Imprimir

Informe Anual

Nome do Fundo: BRAZILIAN GRAVEYARD AND DEATH CARE SERVICES FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FIICNPJ do Fundo: 13.584.584/0001-31
Data de Funcionamento: 07/12/2011Público Alvo: Investidores em Geral
Código ISIN: BRCARECTF000Quantidade de cotas emitidas: 178.164.143,00
Fundo Exclusivo? NãoCotistas possuem vínculo familiar ou societário familiar? Não
Classificação autorregulação: Mandato: Títulos e Valores MobiliáriosSegmento de Atuação: HíbridoTipo de Gestão: AtivaPrazo de Duração: Indeterminado
Data do Prazo de Duração: Encerramento do exercício social: 31/12
Mercado de negociação das cotas: Bolsa Entidade administradora de mercado organizado: BM&FBOVESPA
Nome do Administrador: PLANNER CORRETORA DE VALORES SACNPJ do Administrador: 00.806.535/0001-54
Endereço: Avenida Brigadeiro Faria Lima, 3900, 10º andar- Itaim Bibi- São Paulo- SP- 04538-132Telefones: (11) 2172-26000800 179 444(11) 2172-2667
Site: www.planner.com.brE-mail: investfundos@planner.com.br
Competência: 12/2019

1.

Prestadores de serviços

CNPJ

Endereço

Telefone

1.1 Gestor: Zion Gestão Recursos Ltda97..54.3.9/40/0-00Av. Horácio Lafer, 160 Cj. 160 - 2°andar - Itaim Bibi - CEP 04538-080, SP(11) 3165-5500
1.2 Custodiante: ../-
1.3 Auditor Independente: Crowe Horwath Bendoraytes & Cia 03..71.4.9/13/0-00Av. João Cabral de Mello Neto 850, Bloco 3, 1301 a 1305 - CEP 22775-057 - Rio de Janeiro, RJ (21) 3030-4662
1.4 Formador de Mercado: ../-
1.5 Distribuidor de cotas: Zion Gestão Recursos Ltda97..54.3.9/40/0-00Av. Horácio Lafer, 160 Cj. 160 - 2°andar - Itaim Bibi - CEP 04538-080, SP(11) 3165-5500
1.6 Consultor Especializado: ../-
1.7 Empresa Especializada para administrar as locações: ../-
1.8 Outros prestadores de serviços¹:
Não possui informação apresentada.

2.

Investimentos FII

2.1 Descrição dos negócios realizados no período
Relação dos Ativos adquiridos no períodoObjetivosMontantes InvestidosOrigem dos recursos
CPG EMPREENDIMENTOS S.A - ONParticipação (ações 222.360)23.545.917,93Fluxo de Caixa
VHRE3 - VHR EMPREEND E PAR - ONParticipação (ações 6.921.888,00)67.099.835,68Fluxo de Caixa
Fundos Renda Fixa e LTNGestão de Liquidez do Fundo1.014.937,27Fluxo de Caixa
Cemitério Morumby - 131Direito de uso1.690.000,00Fluxo de Caixa
Cemitério Terra Santa - 900Direito de uso4.500.000,00Fluxo de Caixa
Cemitério Terra Santa - 2000Direito de uso10.000.000,00Fluxo de Caixa
Rover Negócios e Empreendimentos Imobiliários S.A. Participação (Ações 30.052)14.338.000,00Fluxo de Caixa
Empreendimento Comercial Imóvel Quarteirão n.31 - Letra D - Matrícula n.o 30.491 9.320.000,00Fluxo de Caixa
Cortel Holding S.A - ONParticipação (ações )64.427.241,01Fluxo de Caixa
Lages - Lages CorporativasRenda7.456.000,00Fluxo de Caixa
Com. De 943 Jazido CemitérioDireito de uso14.616.500,00Fluxo de Caixa

3.

Programa de investimentos para os exercícios seguintes, incluindo, se necessário, as informações descritas no item 1.1 com relação aos investimentos ainda não realizados:

Não possui informação apresentada.

4.

Análise do administrador sobre:

4.1 Resultado do fundo no exercício findo
No exercicio encerrado em 31 de dezembro de 2019, o Fundo apresentou um Resultado Operacional de -R$ 5.191 mil, e um Lucro Líquido de -R$ 8.995 mil. No exercício não houve distribuíção aos cotistas.
4.2 Conjuntura econômica do segmento do mercado imobiliário de atuação relativo ao período findo
No Brasil ocorrem cerca de 3.500 falecimentos diariamente no Brasil, segundo o IBGE. Dentro de 28 anos o país terá mais mortes do que nascimentos anualmente. Esses números garantem a manutenção do segmento funerário, setor específico se mostra como alternativa de investimento, principalmente, nos períodos de crise. No Brasil, este setor fatura até R$ 7 bilhões por ano, segundo o Sindicato dos Cemitérios e Crematórios Particulares do Brasil (Sincep). Em 2019, os resultados dos cemitérios apresentaram crescimento operacional de aproximadamente 20%, na comparação com o exercício anterior. Em termos de resultado caixa, o crescimento do setor superou 60% o resultado de 2018, considerando a execução de todos os trabalhos de cobrança sobre os contratos de inadimplidos, com a inclusão de cadastros no SERASA. O total de vendas previdenciárias de jazigos cresceu, na média, 15% no mesmo período, nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. De acordo com indicações das próprias prefeituras, os Mercados funerários particulares e de cemitérios privados estão voltados para as demandas e necessidades do público em geral e proporcionam um atendimento muito distante, em termos de qualidade e satisfação de clientes, daquele oferecido pelo atendimento público, muito pouco eficiente. As empresas buscam oferecer melhores alternativas para velórios e sepultamentos, sem contar na busca pela personalização dos serviços. Em período de 2019, os cemitérios, sobretudo os particulares, também procuraram se transformar em locais mais agradáveis, oferecendo paisagens de muito verde em um ambiente de bastante tranquilidade. A personalização do serviço, formatando os velórios de acordo com o que cada cliente deseja, é o que pede o mercado atual. O mercado de cremação, que dispõe de grande variedade de planos diferenciados, vem apresentando crescimentos anuais de aproximados de 30% nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país. Nos últimos 20 anos, o número de crematórios aumentou em 1.000 %. Os donos de pet também contam com o serviço nas principais capitais do Brasil e para os animais há aparatos e circunstâncias no setor funerário. No lado da economia de custos operacionais em 2019, destaca-se a redução do preço do Gás - GLP que caíram mais de 35% no kg no país.
4.3 Perspectiva para o período seguinte com base na composição da carteira
Para 2020, a perspectiva é de que a consolidação do setor de cemitérios e a personalização de velórios e sepultamentos se torne, cada vez mais, uma tendência absoluta no mercado. A estimativa de crescimento do setor é de aproximadamente 10%, em relação aos dados anteriores, já considerando os impactos do novo coronavírus (COVID-19). Para a carteira do FII BRAZILIAN GRAVEYARD, o crescimento estimado é de aproximadamente 15% em termos reais. Há expectativa de recebimento anual de 86% dos contratos de vendas de jazigos, sendo que os demais 14% contratos restantes serão diferidos nos próximos períodos ou se tornarão inadimplentes e posteriormente serão gradualmente distratados da carteira de clientes ao longo de 5 anos. Todos os empreendimentos têm planos de expandir a estrutura atual dos cemitérios em 2020, de maneira a prover um portfólio mais amplo de produtos e de serviços, através de atendimento muito mais profissionalizados, para os seus clientes. O objetivo da profissionalização do atendimento funerário é transformar o setor de cemitérios em uma alternativa de investimento imobiliário com retornos atrativos e oferecendo, em contrapartida, um serviço de elevada qualidade para a população, com o tratamento de forma justa e obtendo avalições positivas dos usuários. Para isso, o FII BRAZILIAN GRAVEYARD considera que cada empreendimento deve atentar às necessidades de cada cliente potencial para transformar o luto em algo marcante e mais ameno possível. Por fim, há grande expectativa da realização do crescimento das Receitas Operacionais projetadas de cada empreendimento, e que a os modelos estatísticos confirmem o seu nível de confiabilidade.

5.

Riscos incorridos pelos cotistas inerentes aos investimentos do FII:

Ver anexo no final do documento. Anexos
6. Valor Contábil dos ativos imobiliários do FIIValor Justo, nos termos da ICVM 516 (SIM ou NÃO)Percentual de Valorização/Desvalorização apurado no período
Relação de ativos imobiliáriosValor (R$)
Não possui informação apresentada.
6.1 Critérios utilizados na referida avaliação
Não possui informação apresentada.
7.Relação de processos judiciais, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
8.Relação de processos judiciais, repetitivos ou conexos, baseados em causas jurídicas semelhantes, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
9.Análise dos impactos em caso de perda e valores envolvidos relacionados aos processos judiciais sigilosos relevantes:
Não possui informação apresentada.

10.

Assembleia Geral

10.1 Endereços (físico ou eletrônico) nos quais os documentos relativos à assembleia geral estarão à disposição dos cotistas para análise:
Avenida Brigadeiro Faria Lima, 3.900 - 10º andar - Itaim Bibi - CEP 04538-132 - São Paulo - SP
Site Fundos Net: fnet.bmfbovespa.com.br/fnet/login - Site administradora: www.planner.com.br
10.2 Indicação dos meios de comunicação disponibilizados aos cotistas para (i) a inclusão de matérias na ordem do dia de assembleias gerais e o envio de documentos pertinentes às deliberações propostas; (ii) solicitação de lista de endereços físicos e eletrônicos dos demais cotistas para envio de pedido público de procuração.
Item (i) são utilizados como meios de comunicação aos cotistas:(a) FundosNet; (b) site da Administradora; (iii) escrita; e (iv) e-mail Item (ii) o endereço físico e eletrônico são disponibilizados no Edital de Convocação
10.3 Descrição das regras e procedimentos aplicáveis à participação dos cotistas em assembleias gerais, incluindo (i) formalidades exigidas para a comprovação da qualidade de cotista e representação de cotistas em assembleia; (ii) procedimentos para a realização de consultas formais, se admitidas em regulamento; (iii) regras e procedimentos para a participação à distância e envio de comunicação escrita ou eletrônica de voto.
Item (i) são solicitados os documentos societários do cotista, no momento da coleta de assinaturas na Lista de presença; Item (ii) a Consulta Formal é elaborada nos termos do Regulamento do Fundo e enviada a todos os cotistas, juntamente com a carta resposta; Item (iii) as manifestações dos cotistas, deverão ocorrer na forma prevista no comunicado até o horário estabelecido.
10.3 Práticas para a realização de assembleia por meio eletrônico.
Ao enviarmos a comunicação ao cotista sobre a realização da Assembleia, é disponibilizado o canal eletrônico para retorno da sua manifestação nos termos do Regulamento do Fundo, e quando a o envio desta pelo cotista, procedemos com a apuração do quorum no momento do encerramento do prazo para manifestação.

11.

Remuneração do Administrador

11.1Política de remuneração definida em regulamento:
O Administrador fará jus ao recebimento de "Taxa de Administração" mensal, correspondente ao percentual equivalente 0,40% (quarenta centésimos por cento) ao ano, sobre o valor do Patrimônio Líquido do Fundo, calculada na forma percentual ao ano, e provisionada todo dia útil com base no Patrimônio Líquido do Fundo do Dia Útil imediatamente anterior, pagáveis mensalmente à razão de 1/252 (um duzentos e cinquenta e dois avos) com base no valor do Patrimônio Líquido do último Dia Útil de cada mês, devida a primeira paga a primeira no 2° (segundo) dia útil do mês subsequente ao mês de prestação dos serviços e as demais no 2° dia útil do mês subsequente. A parcela da Taxa de Administração devido exclusivamente ao Administrador não poderá representar valor inferior a 18.500,00 (dezoito mil e quinhentos reais) por mês (o "Valor Mínimo"). Parágrafo Primeiro — O Valor Mínimo da Taxa de Administração será acrescido de parcela mensal equivalente a R$ 1.500,00 (um mil e quinhentos reais) por cada novo Imóvel, adquirido pelo Fundo e/ou por cada uma das Participações Societárias que o Fundo venha a adquirir. Parágrafo Segundo — Nos termos da regulamentação aplicável o Administrador poderá estabelecer que parcelas da Taxa de Administração sejam pagas diretamente pelo Fundo aos prestadores de serviços que tenham sido subcontratados pelo Administrador ou pelo Gestor, conforme o caso, desde que o somatório dessas parcelas não exceda os montantes totais da Taxa de Administração fixados neste Regulamento.
Valor pago no ano de referência (R$):% sobre o patrimônio contábil:% sobre o patrimônio a valor de mercado:
NaNNaNNaN

12.

Governança

12.1Representante(s) de cotistas
Não possui informação apresentada.
12.2Diretor Responsável pelo FII
Nome: Artur Martins de FigueiredoIdade: 53
Profissão: Administrador de EmpresasCPF: 073.813.338-80
E-mail: afigueiredo@planner.com.brFormação acadêmica: PUC
Quantidade de cotas detidas do FII: 0,00Quantidade de cotas do FII compradas no período: 0,00
Quantidade de cotas do FII vendidas no período: 0,00Data de início na função: 07/06/1999
Principais experiências profissionais durante os últimos 5 anos
Nome da EmpresaPeríodoCargo e funções inerentes ao cargoAtividade principal da empresa na qual tais experiências ocorreram
Banco Bandeirantes de Investimentos S/A1986/1999Analista de Investimento Realizava acompanhamento de empresas de capital aberto, bem como o mercado financeiro de um modo geral, objetivando a elaboração de relatórios diários para definição de estratégias na administração de recursos de terceiros.
Planner Corretora de Valores S/A1999/2000GerenteCoordenação da Área de Agente Fiduciário, realizando entre outras atividades, o acompanhamento diário dos preços unitários das debêntures, controle dos “covenants” financeiros constantes da escritura de emissão, bem como avaliação das providências a serem adotadas nas emissões que encontram-se inadimplentes.
Banco Bradesco S/A2000/2001Gerente de UnderwritingRealização de prospecção de operações, nas quais as empresas utilizam o mercado de capitais como fonte de recursos para suportar investimentos e/ou alongamento de outros financiamentos / empréstimos. O trabalho consistia na prospecção propriamente dita, ou seja, visitas / reuniões com os potenciais emissores, bem como o acompanhamento do processo de registro da operação junto à CVM – Comissão de Valores Mobiliário e do procedimento de venda dos títulos ao mercado (basicamente investidores institucionais).
Grupo Planner 2001/ AtualDiretor / ConselheiroResponsável pela administração fiduciária de Fundos de Investimento
Descrição de qualquer dos seguintes eventos que tenham ocorrido durante os últimos 5 anos
EventoDescrição
Qualquer condenação criminalnão
Qualquer condenação em processo administrativo da CVM e as penas aplicadasnão
13.Distribuição de cotistas, segundo o percentual de cotas adquirido.
Faixas de PulverizaçãoNº de cotistasNº de cotas detidas% de cotas detido em relação ao total emitido% detido por PF% detido por PJ
Até 5% das cotas 148,0045.508.186,0053,18%0,00%0,00%
Acima de 5% até 10% 2,0013.079.899,0015,28%0,00%0,00%
Acima de 10% até 15%
Acima de 15% até 20%
Acima de 20% até 30%
Acima de 30% até 40% 2.167,00119.576.058,0031,54%0,00%0,00%
Acima de 40% até 50%
Acima de 50%

14.

Transações a que se refere o art. 34 e inciso IX do art.35, da Instrução CVM nº 472, de 2008

Não possui informação apresentada.

15.

Política de divulgação de informações

15.1 Descrever a política de divulgação de ato ou fato relevante adotada pelo administrador, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores, indicando os procedimentos relativos à manutenção de sigilo acerca de informações relevantes não divulgadas, locais onde estarão disponíveis tais informações, entre outros aspectos.
Não possui informação apresentada.
15.2 Descrever a política de negociação de cotas do fundo, se houver, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Não possui informação apresentada.
15.3 Descrever a política de exercício do direito de voto em participações societárias do fundo, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Não possui informação apresentada.
15.4 Relacionar os funcionários responsáveis pela implantação, manutenção, avaliação e fiscalização da política de divulgação de informações, se for o caso.
Não possui informação apresentada.
16.Regras e prazos para chamada de capital do fundo:
Não possui informação apresentada.

Anexos
5.Riscos

Nota

1.A relação de prestadores de serviços de que trata o item 1.8 deve ser indicada quando o referido prestador de serviços representar mais de 5% das despesas do FII