Imprimir

Informe Anual

Nome do Fundo: JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FIICNPJ do Fundo: 17.216.625/0001-98
Data de Funcionamento: 03/05/2013Público Alvo: Investidores em Geral
Código ISIN: BRJPPCCTF001Quantidade de cotas emitidas: 55.000,00
Fundo Exclusivo? NãoCotistas possuem vínculo familiar ou societário familiar? Não
Classificação autorregulação: Mandato: Desenvolvimento para VendaSegmento de Atuação: HíbridoTipo de Gestão: AtivaPrazo de Duração: Determinado
Data do Prazo de Duração: 22/04/2019Encerramento do exercício social: 30/06
Mercado de negociação das cotas: Bolsa Entidade administradora de mercado organizado: BM&FBOVESPA
Nome do Administrador: BANCO FINAXIS S.A.CNPJ do Administrador: 11.758.741/0001-52
Endereço: Rua Pasteur, 463, 11° andar- Água Verde- Curitiba- PR- 80250 -080Telefones: (41) 3074-0909(41) 3074-5817(41) 3074-0928
Site: http://finaxis.com.br/E-mail: informacoesfundos@finaxis.com.br
Competência: 06/2018

1.

Prestadores de serviços

CNPJ

Endereço

Telefone

1.1 Gestor: JPP Capital Gestão de Recursos Ltda.13.516.035/0001-20Avenida Paulista, 287, 6º andar, Bela Vista, São Paulo - SP(11) 2187-1487
1.2 Custodiante: Banco Finaxis S.A. 11.758.741/0001-52Rua Pasteur, 463, 11º andar, Curitiba-PR(41) 3074-0909
1.3 Auditor Independente: ECOVIS PEMOM18.227.733/0001-29Av. Francisco Matarazzo, 404 - 201, Barra Funda, São Paulo, SP(11) 2619-0500
1.4 Formador de Mercado: ../-
1.5 Distribuidor de cotas: ../-
1.6 Consultor Especializado: JPP Capital Investimentos Imobiliários Ltda. 16.910.421/0001-90Avenida Paulista, 287, 6º andar, Bela Vista, São Paulo - SP (11) 2187-1487
1.7 Empresa Especializada para administrar as locações: ../-
1.8 Outros prestadores de serviços¹:
Não possui informação apresentada.

2.

Investimentos FII

2.1 Descrição dos negócios realizados no período
Não possui informação apresentada.

3.

Programa de investimentos para os exercícios seguintes, incluindo, se necessário, as informações descritas no item 1.1 com relação aos investimentos ainda não realizados:

A previsão de investimentos para os próximos exercícios concentra-se nos ativos já adiquiridos pelo fundo em função da necessidade de caixa para liquidação das obras, marketing, depesas administrativas, projetos e outros gastos na base de sua participação % em cada projeto.

4.

Análise do administrador sobre:

4.1 Resultado do fundo no exercício findo
Prejuízo de R$ 1.338.276,76
4.2 Conjuntura econômica do segmento do mercado imobiliário de atuação relativo ao período findo
A Pesquisa do Mercado Imobiliário, realizada pelo Departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP (Sindicato da Habitação), apurou em julho de 2018 a comercialização de 1.542 unidades residenciais novas. O resultado é 32,6% inferior em comparação às 2.288 unidades comercializadas em junho. Comparado às 1.238 unidades vendidas em julho de 2017, no entanto, houve aumento de 24,6%. O indicador VSO (Vendas sobre Oferta) que apura a porcentagem de vendas em relação ao total de unidades ofertadas, no acumulado de 12 meses (agosto de 2017 a julho de 2018), foram vendidas 28.046 unidades, um aumento de 62,4% em comparação ao período de agosto de 2016 a julho de 2017, quando as vendas totalizaram 17.274 unidades. A metodologia da pesquisa, adotada desde 2004 (fonte SECOVI), filtra os empreendimentos com mais de 36 meses, porque, após esse período, a dinâmica de comercialização é diferente, com muitos imóveis prontos e ocupados. Apesar desse filtro, a pesquisa continua acompanhando a comercialização dos empreendimentos. Ampliando o período analisado para 48 meses (agosto de 2014 a julho de 2018), a oferta de imóveis não vendidos sobe para 23.487 unidades, volume 28,3% superior à oferta de 36 meses. De acordo com dados da Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio), a cidade de São Paulo registrou em julho o total de 2.629 unidades residenciais lançadas, resultado 6,5% inferior ao de junho (2.811 unidades) e 141,4% acima do de julho de 2017 (1.089 unidades).
4.3 Perspectiva para o período seguinte com base na composição da carteira
A Pesquisa do Mercado Imobiliário deste ano continua apresentando vendas superiores às registradas no ano passado. Os números de julho superaram os apurados nos mesmos meses de 2014 a 2017. Contudo, por se tratar de mês de férias escolares, em geral, os resultados são inferiores aos de junho. E não foi diferente em 2018: mesmo superando os anos anteriores, os resultados ficaram abaixo do registrado no mês anterior. Em julho, foram comercializadas 1.542 unidades na Capital, 24,6% acima do registrado em julho do ano passado e 32,6% abaixo de junho (2.288 unidades). A média de vendas para o mês de junho dos últimos quatros, de 2014 a 2017, foi de 961 unidades. Os produtos mais comercializados continuam sendo os imóveis compactos, com até área útil de 45 m², até 2 dormitórios e tíquetes médios de até R$ 240.000,00. O segundo semestre inicia com resultados positivos, mas ainda preocupa a falta de calibragem da Lei de Zoneamento da cidade de São Paulo, já que grande parte dos lançamentos ainda é de projetos antigos, do Minha Casa, Minha Vida e dentro dos eixos de Estruturação Urbana. “Temos reiterado a necessidade de rever parâmetros como coeficiente de aproveitamento do terreno, valores de outorga onerosa, gabarito de altura das edificações, dentre outros itens legais que encarecem e inviabilizam novos projetos habitacionais”, diz o vice-presidente de Incorporação e Terrenos Urbanos do Secovi-SP, Emilio Kallas. Mantemos nossos esforços em retomar as vendas dos projetos em andamento, com ações de marketing pontuais e uma divulgação direcionada para unidades prontas no caso dos projetos Flora e Arbol. Continuamos acreditando nos projetos, que apresentam uma variação grande em termos de produtos e não concorrem diretamente entre sí, na localização dos empreendimentos e entendemos que, mesmo diante do momento de mercado, a tese de investimento do fundo sustentará o desempenho projetado.

5.

Riscos incorridos pelos cotistas inerentes aos investimentos do FII:

Ver anexo no final do documento. Anexos
6. Valor Contábil dos ativos imobiliários do FIIValor Justo, nos termos da ICVM 516 (SIM ou NÃO)Percentual de Valorização/Desvalorização apurado no período
Relação de ativos imobiliáriosValor (R$)
Terreno na Rua Capitão Alceu Vieira, 44, São Paulo - SPE910.990.629,22NÃO1,90%
Terreno na Rua Capitão Alceu Vieira, 101, São Paulo SPE 187.856.235,51NÃO12,74%
Imóvel na Rua Mota Pais, 102, São Paulo - SPE 157.514.562,83NÃO15,60%
Imóvel na Rua Votupoca, 53, São Paulo - SPE244.199.849,33NÃO-6,65%
6.1 Critérios utilizados na referida avaliação
Os ativos do Fundo refletem o valor patrimonial das SPEs investidas, cujos processos contábeis seguem as normas aplicáveis ao setor de incorporações.
7.Relação de processos judiciais, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
8.Relação de processos judiciais, repetitivos ou conexos, baseados em causas jurídicas semelhantes, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
9.Análise dos impactos em caso de perda e valores envolvidos relacionados aos processos judiciais sigilosos relevantes:
Não possui informação apresentada.

10.

Assembleia Geral

10.1 Endereços (físico ou eletrônico) nos quais os documentos relativos à assembleia geral estarão à disposição dos cotistas para análise:
Avenida Paulista, nº 1842, 1º andar, conjunto 17, Bela Vista, CEP 01310-923
https://fnet.bmfbovespa.com.br; http://finaxis.com.br/
10.2 Indicação dos meios de comunicação disponibilizados aos cotistas para (i) a inclusão de matérias na ordem do dia de assembleias gerais e o envio de documentos pertinentes às deliberações propostas; (ii) solicitação de lista de endereços físicos e eletrônicos dos demais cotistas para envio de pedido público de procuração.
Os documentos ou informações estarão disponíveis nos endereços físicos e eletrônicos do ADMINISTRADOR: na Cidade e Estado de São Paulo na Avenida Paulista nº 1842, Torre Norte, 1º andar, conjunto 17, Bela Vista, CEP 01310-923 e http://finaxis.com.br/
10.3 Descrição das regras e procedimentos aplicáveis à participação dos cotistas em assembleias gerais, incluindo (i) formalidades exigidas para a comprovação da qualidade de cotista e representação de cotistas em assembleia; (ii) procedimentos para a realização de consultas formais, se admitidas em regulamento; (iii) regras e procedimentos para a participação à distância e envio de comunicação escrita ou eletrônica de voto.
Somente poderão votar na assembleia geral os quotistas inscritos no registro de quotistas na data daconvocação da assembleia, seus representantes legais ou procuradores legalmente constituídos há menos de 1 (um) ano; As deliberações da Assembleia Geral poderão ser tomadas, independentemente de convocação, mediante processo de consulta, formalizada por carta, correio eletrônico ou telegrama dirigido pela Administradora aos Cotistas, para resposta no prazo de 30 (trinta) dias para deliberar sobre as demonstrações financeiras apresentadas pela Administradora e 15 (quinze) dias para os demais casos, devendo constar da consulta todos os elementos informativos necessários ao exercício de voto, sendo que a ausência de resposta pelo Cotista no prazo acima indicado será considerado como anuência à proposta formulada na respectiva consulta. As deliberações das Assembleias Gerais regularmente convocadas e instaladas ou através de consulta, serão tomadas por maioria de votos dos quotistas presentes não se computando os votos em branco, ressalvadas as hipóteses de "quórum" qualificado.
10.3 Práticas para a realização de assembleia por meio eletrônico.
Não se aplica para esse Fundo.

11.

Remuneração do Administrador

11.1Política de remuneração definida em regulamento:
A Administradora receberá, pelos serviços prestados ao Fundo, uma Taxa de Administração equivalente a 2% (dois por cento) do Patrimônio Líquido do Fundo, calculada diariamente, com base em um ano de 252 (duzentos e cinquenta e dois) Dias Úteis (“Taxa de Administração”), remuneração que será paga mensalmente, até o 5º (quinto) Dia Útil do mês subsequente ao vencido, a partir do mês em que ocorrer a primeira integralização de Cotas.
Valor pago no ano de referência (R$):% sobre o patrimônio contábil:% sobre o patrimônio a valor de mercado:
83.759,610,22%0,23%

12.

Governança

12.1Representante(s) de cotistas
Não possui informação apresentada.
12.2Diretor Responsável pelo FII
Nome: Ricardo Augusto Meira PedroIdade: 52
Profissão: Bancário CPF: 4995131850
E-mail: ricardo.pedro@finaxis.com.brFormação acadêmica: Administrador
Quantidade de cotas detidas do FII: 0,00Quantidade de cotas do FII compradas no período: 0,00
Quantidade de cotas do FII vendidas no período: 0,00Data de início na função: 03/05/2013
Principais experiências profissionais durante os últimos 5 anos
Não possui informação apresentada.
Descrição de qualquer dos seguintes eventos que tenham ocorrido durante os últimos 5 anos
EventoDescrição
Qualquer condenação criminal
Qualquer condenação em processo administrativo da CVM e as penas aplicadas
13.Distribuição de cotistas, segundo o percentual de cotas adquirido.
Faixas de PulverizaçãoNº de cotistasNº de cotas detidas% de cotas detido em relação ao total emitido% detido por PF% detido por PJ
Até 5% das cotas 66,0031.678,0057,62%55,12%2,50%
Acima de 5% até 10% 1,003.914,007,12%7,12%
Acima de 10% até 15%
Acima de 15% até 20%
Acima de 20% até 30%
Acima de 30% até 40% 1,0019.408,0035,29%35,29%
Acima de 40% até 50%
Acima de 50%

14.

Transações a que se refere o art. 34 e inciso IX do art.35, da Instrução CVM nº 472, de 2008

Não possui informação apresentada.

15.

Política de divulgação de informações

15.1 Descrever a política de divulgação de ato ou fato relevante adotada pelo administrador, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores, indicando os procedimentos relativos à manutenção de sigilo acerca de informações relevantes não divulgadas, locais onde estarão disponíveis tais informações, entre outros aspectos.
http://finaxis.com.br/
15.2 Descrever a política de negociação de cotas do fundo, se houver, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
http://finaxis.com.br/
15.3 Descrever a política de exercício do direito de voto em participações societárias do fundo, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
http://finaxis.com.br/
15.4 Relacionar os funcionários responsáveis pela implantação, manutenção, avaliação e fiscalização da política de divulgação de informações, se for o caso.
Não possui informação apresentada.
16.Regras e prazos para chamada de capital do fundo:
É permitido ao fundo a realização de chamadas de capital, desde que previamente aprovado em Assembléia Geral.

Anexos
5.Riscos

Nota

1.A relação de prestadores de serviços de que trata o item 1.8 deve ser indicada quando o referido prestador de serviços representar mais de 5% das despesas do FII