Imprimir

Informe Anual

Nome do Fundo: RB CAPITAL RENDA II FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FIICNPJ do Fundo: 09.006.914/0001-34
Data de Funcionamento: 13/08/2007Público Alvo: Investidores em Geral
Código ISIN: BRRBRDCTF008Quantidade de cotas emitidas: 1.851.786,00
Fundo Exclusivo? NãoCotistas possuem vínculo familiar ou societário familiar? Não
Classificação autorregulação: Mandato: RendaSegmento de Atuação: HíbridoTipo de Gestão: AtivaPrazo de Duração: Indeterminado
Data do Prazo de Duração: Encerramento do exercício social: 31/12
Mercado de negociação das cotas: Bolsa e MBO Entidade administradora de mercado organizado: BM&FBOVESPA e CETIP
Nome do Administrador: VOTORANTIM ASSET MANAGEMENT DTVM LTDA.CNPJ do Administrador: 03.384.738/0001-98
Endereço: Avenida das Nações Unidas, 14171, torre A - 11º andar- Vila Gertrudes- São Paulo- SP- 04794-000Telefones: (11) 5171-5359
Site: www.vam.com.brE-mail: vwmprodutosestruturados@votorantimwm.com.br
Competência: 12/2017

1.

Prestadores de serviços

CNPJ

Endereço

Telefone

1.1 Gestor: RB Capital Asset Management Ltda.07.981.934/0001-09Rua Amauri, 255 - São Paulo-SP0800-882-2700
1.2 Custodiante: ../-
1.3 Auditor Independente: Grant Thornton Brasil05..39.9.9/64/0-00Av. Eng. Luis Carlos Berrini, nº 105, Itaim Bibi(11) 3886-5100
1.4 Formador de Mercado: ../-
1.5 Distribuidor de cotas: ../-
1.6 Consultor Especializado: RB Capital Realty Investimentos Imobiliários Ltda.11.426.501/0001-50Rua Amauri, 255 - São Paulo-SP(11) 3127-2700
1.7 Empresa Especializada para administrar as locações: ../-
1.8 Outros prestadores de serviços¹:
Não possui informação apresentada.

2.

Investimentos FII

2.1 Descrição dos negócios realizados no período
Não possui informação apresentada.

3.

Programa de investimentos para os exercícios seguintes, incluindo, se necessário, as informações descritas no item 1.1 com relação aos investimentos ainda não realizados:

Não há previsão de novos investimentos para o FII RB Capital Renda II.

4.

Análise do administrador sobre:

4.1 Resultado do fundo no exercício findo
O fundo apresentou rentabilidade de 13,92% em 2017. Em comparação, em 2016, a rentabilidade foi de 19,86%.
4.2 Conjuntura econômica do segmento do mercado imobiliário de atuação relativo ao período findo
Conforme análise do Gestor, após um período de revés econômico, político e financeiro nos anos antecedentes, o ano de 2017 foi marcado pelo início de um período de retomada, encerrando uma série de quedas consecutivas do PIB e melhora em outros indicadores da economia. No mercado imobiliário de galpões logísticos, ainda é possível perceber um desequilíbrio entre oferta e demanda, causado pelo alto volume de novo estoque entregue ao longo dos últimos anos. Segundo dados da consultoria Cushman & Wakefield, durante o ano de 2017, nenhuma nova propriedade foi entregue no RJ. Já em SP foram adicionados 345 mil metros quadrados ao estoque atual. Pelo lado da demanda, SP registrou absorção liquida de 191 mil metros quadrados enquanto no RJ este valor foi negativo, impacto pelo maior número de saídas do que entradas. Como resultado, a vacância para este segmento encerrou 2017 em 24% no estado de São Paulo e 25% no Rio de Janeiro. Não havendo pressão de demanda as negociações comerciais acabaram se mantendo ainda flexíveis e o preço pedido de locação se manteve em patamares similares ao do ano anterior.
4.3 Perspectiva para o período seguinte com base na composição da carteira
A perspectiva do gestor é manter o portfólio dos ativos sob gestão.

5.

Riscos incorridos pelos cotistas inerentes aos investimentos do FII:

Ver anexo no final do documento. Anexos
6. Valor Contábil dos ativos imobiliários do FIIValor Justo, nos termos da ICVM 516 (SIM ou NÃO)Percentual de Valorização/Desvalorização apurado no período
Relação de ativos imobiliáriosValor (R$)
Ampla41.533.886,00SIM1,80%
Ambev14.567.202,00SIM1,54%
Leader Natal32.945.305,00SIM3,04%
Leader Catete45.988.056,00SIM-0,93%
6.1 Critérios utilizados na referida avaliação
No presente caso, tendo em vista a finalidade da avaliação, a natureza do imóvel avaliando, sua situação geo-sócio-econômica e a disponibilidade de dados e evidêncas de mercado seguras, optamos pelo "Método da Renda" na sua variante de Valor Econômico por Fluxo de Caixa Descontado, para a definição dos valores referenciais e indicadores. Também foram utilizados o Método Comparativo para a determinação de valores parciais de avaliação, como por exemplo o valor locativo e o Evolutivo (Custo) para a aferição de resultados referenciais.
7.Relação de processos judiciais, não sigilosos e relevantes
Nº do ProcessoJuízoInstânciaData da InstauraçãoValor da causa (R$)Partes no processoChance de perda (provável, possível ou remota)
0180179-08.2009.8.26.010026ª Vara de São Paulo29/07/2009771.244,27Autor: Cassol Pre-fabricados Ltda. Réu: Fundo, Construtora Budget Ltda. e Jorge Luis Curcino Godoyremota
Principais fatos
15/12/2016 - PETIÇÃO DE RB CAPITAL RENDA II FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIARIO FII:"com base no artigo 513, § 1º do Código de Processo Civil dar início ao CUMPRIMENTO DE SENTENÇA em face de CASSOL PRÉ FABRICADOS LTDA: Diante disso, requer-se: a) o levantamento da quantia penhorada, com a expedição de Guia em nome do DR. DELSON PETRONI JÚNIOR, inscrito no OAB/SP sob o nº 26.837 com os devidos acréscimos legais; b) a INTIMAÇÃO do Executado (Cassol Pré Fabricados Ltda.), através dos seus patronos constituídos nos autos, para pagar a quantia de R$6.472,08 (seis mil, quatrocentos e setenta e dois reais e oito centavos) no prazo de 15 dias sob pena de multa de 10%; c) não ocorrendo o pagamento da referida quantia, que seja realizado o BLOQUEIO ON LINE de eventuais valores e ativos financeiros depositados na conta corrente do Executado (Cassol Pré-Fabricados Ltda.).
Análise do impacto em caso de perda do processo
O valor depositado em juízo seria transferido ao autor, no entando o depósito já está no passivo do fundo, logo a transferência não teria impacto.
8.Relação de processos judiciais, repetitivos ou conexos, baseados em causas jurídicas semelhantes, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
9.Análise dos impactos em caso de perda e valores envolvidos relacionados aos processos judiciais sigilosos relevantes:
Não possui informação apresentada.

10.

Assembleia Geral

10.1 Endereços (físico ou eletrônico) nos quais os documentos relativos à assembleia geral estarão à disposição dos cotistas para análise:
Av. das Nações Unidas, 14171, torre A, 11º andar, São Paulo-SP
https://fnet.bmfbovespa.com.br/fnet/publico/abrirGerenciadorDocumentosCVM?cnpjFundo=9006914000134
10.2 Indicação dos meios de comunicação disponibilizados aos cotistas para (i) a inclusão de matérias na ordem do dia de assembleias gerais e o envio de documentos pertinentes às deliberações propostas; (ii) solicitação de lista de endereços físicos e eletrônicos dos demais cotistas para envio de pedido público de procuração.
Os cotistas poderão entrar em contato por meio de carta enviada ao endereço do administrador ou por correspondência eletrônica: vwmprodutosestruturados@votorantimwm.com.br
10.3 Descrição das regras e procedimentos aplicáveis à participação dos cotistas em assembleias gerais, incluindo (i) formalidades exigidas para a comprovação da qualidade de cotista e representação de cotistas em assembleia; (ii) procedimentos para a realização de consultas formais, se admitidas em regulamento; (iii) regras e procedimentos para a participação à distância e envio de comunicação escrita ou eletrônica de voto.
(i) Têm qualidade para comparecer à Assembleia Geral os Quotistas inscritos no registro de Quotistas na data da convocação, seus representantes legais ou seus procuradores legalmente constituídos há menos de 1 (um) ano; (ii) Não previsto no regulamento; (iii) Ainda que não compareçam à Assembleia Geral, os Quotistas poderão votar por meio de carta ou correspondência eletrônica, desde que tal comunicação seja recebida com, no mínimo, 1 (um) Dia Útil de antecedência da data de realização da respectiva Assembleia Geral de Quotistas. Os Quotistas que participem das Assembleias Gerais por meio de tele ou videoconferência, também poderão votar por fac-símile ou correio eletrônico digitalmente certificado, desde que possível a comprovação do voto durante a realização da respectiva Assembleia Geral e desde que o resultado da votação seja proclamado pelo Presidente da Assembleia com indicação daqueles que participaram por tele ou videoconferência, sendo, ainda, admitida a gravação das mesmas.
10.3 Práticas para a realização de assembleia por meio eletrônico.
Não será realizado assembleias por meio eletrônico.

11.

Remuneração do Administrador

11.1Política de remuneração definida em regulamento:
A taxa de administração corresponderá a no máximo 0,17 % (zero vírgula dezessete por cento) ao ano sobre o valor do patrimônio líquido do Fundo (“Taxa de Administração”), a qual será apropriada por dia útil como despesa do FUNDO, com base em um ano de 252 (duzentos e cinquenta e dois) dias úteis, sendo que, da referida remuneração: (a) R$ 9.400,00 (nove mil e quatrocentos reais) serão destinados diretamente ao Administrador; (b) o saldo remanescente será utilizado pelo Administrador, em primeiro lugar, para pagamento da remuneração do Banco Escriturador, nos termos do Anexo I do Regulamento; e (c) após pagamento das remunerações previstas nos itens I e II, o saldo remanescente será destinado ao Gestor do Fundo, sendo certo que tal remuneração está limitada ao montante máximo de R$ 3.000,00 (três mil reais), acrescido do valor dos tributos sobre eles incidentes, tais como Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), Programa de Integração Social (PIS), Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS), Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL) e o Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF), nas respectivas alíquotas vigentes (“Taxa de Gestão”).
Valor pago no ano de referência (R$):% sobre o patrimônio contábil:% sobre o patrimônio a valor de mercado:
216.815,860,16%0,15%

12.

Governança

12.1Representante(s) de cotistas
Não possui informação apresentada.
12.2Diretor Responsável pelo FII
Nome: Robert John Van DijkIdade: 59
Profissão: AdministradorCPF: 4033063889
E-mail: vwmprodutosestruturados@votorantimwm.com.brFormação acadêmica: Administração de Empresa - FGV São Paulo
Quantidade de cotas detidas do FII: 0,00Quantidade de cotas do FII compradas no período: 0,00
Quantidade de cotas do FII vendidas no período: 0,00Data de início na função: 29/04/2011
Principais experiências profissionais durante os últimos 5 anos
Nome da EmpresaPeríodoCargo e funções inerentes ao cargoAtividade principal da empresa na qual tais experiências ocorreram
VOTORANTIM ASSET MANAGEMENT DTVM LTDA.29/04/2011 até o presente momentoDiretor GeralAdministração de fundos de investimento
Descrição de qualquer dos seguintes eventos que tenham ocorrido durante os últimos 5 anos
EventoDescrição
Qualquer condenação criminalNão houve condenações
Qualquer condenação em processo administrativo da CVM e as penas aplicadasNão houve condenações
13.Distribuição de cotistas, segundo o percentual de cotas adquirido.
Faixas de PulverizaçãoNº de cotistasNº de cotas detidas% de cotas detido em relação ao total emitido% detido por PF% detido por PJ
Até 5% das cotas 2.882,001.608.937,0086,89%0,00%100,00%
Acima de 5% até 10% 2,00242.849,0013,11%77,48%22,52%
Acima de 10% até 15% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 15% até 20% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 20% até 30% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 30% até 40% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 40% até 50% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 50% 0,000,000,00%0,00%0,00%

14.

Transações a que se refere o art. 34 e inciso IX do art.35, da Instrução CVM nº 472, de 2008

Não possui informação apresentada.

15.

Política de divulgação de informações

15.1 Descrever a política de divulgação de ato ou fato relevante adotada pelo administrador, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores, indicando os procedimentos relativos à manutenção de sigilo acerca de informações relevantes não divulgadas, locais onde estarão disponíveis tais informações, entre outros aspectos.
A Administradora deve prestar aos titulares das Quotas, imediatamente, qualquer ato ou fato relevante relativo ao Fundo, de modo a garantir ao Quotista acesso às informações que possam, direta ou indiretamente, influenciar a decisão do Quotista quanto à permanência no Fundo. A divulgaçãoserá feita por correio eletrônico, correspondência registrada, em Jornal de alta circulação no território nacional ou jornal utilizado para veicular as informações relativas ao Fundo, bem como na página do administrador na rede mundial de computadores (www.vam.com.br), em lugar de destaque e disponível para acesso gratuito, e mantida disponível aos Quotistas em sua sede, devendo todos os documentos e informações correspondentes ser remetidos à CVM e aos mercados nos quais ocorra a negociação das Quotas do Fundo, na mesma data de sua divulgação.
15.2 Descrever a política de negociação de cotas do fundo, se houver, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Observadas as disposições constantes no Regulamento, as Quotas do Fundo serão admitidas à negociação no mercado secundário através (i) da BM&FBOVESPA e (ii) da CETIP.
15.3 Descrever a política de exercício do direito de voto em participações societárias do fundo, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Definido pelo comitê de investimento
15.4 Relacionar os funcionários responsáveis pela implantação, manutenção, avaliação e fiscalização da política de divulgação de informações, se for o caso.
Reinaldo Holanda de Lacerda - Diretor de Gestão
16.Regras e prazos para chamada de capital do fundo:
O fundo não prevê nova chamada de capital para as cotas subscritas e integralizadas.

Anexos
5.Riscos

Nota

1.A relação de prestadores de serviços de que trata o item 1.8 deve ser indicada quando o referido prestador de serviços representar mais de 5% das despesas do FII