Imprimir

Informe Anual

Nome do Fundo: BB PROGRESSIVO II FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FIICNPJ do Fundo: 14.410.722/0001-29
Data de Funcionamento: 23/08/2012Público Alvo: Investidores em Geral
Código ISIN: BRBBPOCTF003Quantidade de cotas emitidas: 15.919.690,00
Fundo Exclusivo? NãoCotistas possuem vínculo familiar ou societário familiar? Não
Classificação autorregulação: Mandato: RendaSegmento de Atuação: Lajes CorporativasTipo de Gestão: PassivaPrazo de Duração: Indeterminado
Data do Prazo de Duração: Encerramento do exercício social: 30/06
Mercado de negociação das cotas: Bolsa Entidade administradora de mercado organizado: BM&FBOVESPA
Nome do Administrador: VOTORANTIM ASSET MANAGEMENT DTVM LTDA.CNPJ do Administrador: 03.384.738/0001-98
Endereço: Avenida das Nações Unidas, 14171, torre A - 11º andar- Vila Gertrudes- São Paulo- SP- 04794-000Telefones: (11) 5171-5359
Site: www.vam.com.brE-mail: RI-VAM@bv.com.br
Competência: 06/2021

1.

Prestadores de serviços

CNPJ

Endereço

Telefone

1.1 Gestor: Votorantim Asset Management DTVM Ltda.03.384.738/0001-98Av. das Nações Unidas, 14171, torre A, 11º andar, São Paulo-SP(11) 5171-5359
1.2 Custodiante: Votorantim Asset Management DTVM Ltda.03.384.738/0001-98Av. das Nações Unidas, 14171, torre A, 11º andar, São Paulo-SP(11) 5171-5359
1.3 Auditor Independente: Grant Thornton Brasil10.830.108/0001-65Av Engenheiro Luiz Carlos Berrini, 105, Torre 4 conj 121, São Paulo-SP(11) 3886-5100
1.4 Formador de Mercado: ../-
1.5 Distribuidor de cotas: ../-
1.6 Consultor Especializado: ../-
1.7 Empresa Especializada para administrar as locações: ../-
1.8 Outros prestadores de serviços¹:
Não possui informação apresentada.

2.

Investimentos FII

2.1 Descrição dos negócios realizados no período
Não possui informação apresentada.

3.

Programa de investimentos para os exercícios seguintes, incluindo, se necessário, as informações descritas no item 1.1 com relação aos investimentos ainda não realizados:

No próximo período, o Administrador planeja continuar com o plano de investimentos e reparos necessários aos imóveis que já vem sendo aplicado.

4.

Análise do administrador sobre:

4.1 Resultado do fundo no exercício findo
A rentabilidade do fundo no exercício findo em 30/06/2021 foi de (5,03%).
4.2 Conjuntura econômica do segmento do mercado imobiliário de atuação relativo ao período findo
Com os novos casos e mortes por Covid-19 retrocedendo no país em julho, o nível de atividade seguiu suportado pela maior mobilidade social. As sondagens de confiança do empresariado e do consumidor avançaram novamente no mês, seguindo a trajetória de recuperação após o vale em março, no auge da 2ª onda da pandemia no Brasil à época. O patamar da pesquisa para as famílias foi o maior desde outubro do ano passado, enquanto na indústria, por exemplo, a utilização da capacidade instalada atingiu o maior nível em mais de seis anos. Em que pesem flutuações nas estatísticas de maior frequência e oscilações decorrentes do processo de ajuste sazonal dos indicadores econômicos, como por exemplo o IBC-Br de maio que retrocedeu -0,4% no mês mesmo com o avanço das principais pesquisas de comércio, indústria e serviços, projetamos que o PIB brasileiro do 2T21 deva ter avançado +0,3% frente ao trimestre imediatamente anterior, e agora 5,3% no ano. Todavia, o destaque ficou por conta da publicação do IPCA-15 do mês, o qual demonstrou pressões inflacionárias mais disseminadas, com variação trimestral anualizada dos núcleos de 6,7%, incompatível, portanto, com as metas de inflação. Seguindo a sinalização mais flexível da autoridade monetária com relação ao processo de ajuste da política monetária, as apostas nos mercados futuros de juros migraram majoritariamente para uma intensificação da alta para 100bps da taxa Selic na próxima reunião do Copom, em agosto. Esse também é o nosso cenário, seguido de outra elevação de mesma magnitude no encontro subsequente. Esperamos uma taxa terminal levemente acima da neutra, em 7,25%.
4.3 Perspectiva para o período seguinte com base na composição da carteira
Para o período seguinte, o fundo deve continuar distribuindo a renda decorrente do aluguel do imóveis, sendo que é contratualmente acertado que em agosto/21 haverá o reajuste dos alugueis pelo IPCA.

5.

Riscos incorridos pelos cotistas inerentes aos investimentos do FII:

Ver anexo no final do documento. Anexos
6. Valor Contábil dos ativos imobiliários do FIIValor Justo, nos termos da ICVM 516 (SIM ou NÃO)Percentual de Valorização/Desvalorização apurado no período
Relação de ativos imobiliáriosValor (R$)
MANAUS22.424.364,76SIM-1,51%
ALDEOTA17.437.653,20SIM-5,26%
ASA NORTE 50422.969.832,67SIM1,40%
ASA SUL 5079.308.441,17SIM9,54%
CONJUNTO NACIONAL19.807.175,76SIM0,15%
ED SEDE III273.806.250,45SIM-9,76%
CSL BRASILIA27.021.511,86SIM-9,22%
JUIZ DE FORA29.677.316,26SIM-4,40%
BELO HORIZONTE35.832.290,59SIM-5,34%
UBERLANDIA14.916.208,02SIM-9,67%
TAMOIOS34.012.762,25SIM-4,28%
CARIJOS14.134.662,81SIM-3,99%
CSL BELO HORIZONTE45.011.540,74SIM-3,67%
AFONSO PENA20.438.507,61SIM-6,21%
SUPER VAR E GOV MT9.209.692,00SIM27,49%
PRESIDENTE VARGAS25.947.167,98SIM-1,54%
PONTA GROSSA9.531.976,39SIM-5,83%
MARINGA13.824.176,12SIM-3,61%
TOLEDO8.822.752,96SIM-4,38%
CSL CURITIBA48.978.041,05SIM-5,06%
CAMPOS GOYTACAZES26.853.785,82SIM-2,28%
NITEROI17.266.622,62SIM-4,94%
TIJUCA13.562.150,86SIM-1,70%
DUQUE DE CAXIAS9.508.064,44SIM-1,05%
CINELANDIA17.594.424,88SIM-0,52%
JACAREPAGUA7.252.308,04SIM-4,59%
ZONA SUL-RJ35.805.089,63SIM-1,51%
LEBLON24.641.570,10SIM-1,48%
CAXIAS DO SUL11.974.428,67SIM-3,91%
PASSO FUNDO8.969.784,12SIM-4,87%
SUPER VAR E GOV RS16.601.345,83SIM-2,58%
FLORIANOPOLIS20.122.228,66SIM-4,95%
PCA XV NOVEMBRO/BESC14.365.767,30SIM-4,08%
GENERAL VALADAO14.896.540,55SIM-5,34%
RIBEIRAO PRETO6.401.919,27SIM-2,41%
CAMPINAS14.867.285,62SIM-3,37%
SAO JOSE RIO PRETO7.481.373,14SIM-8,83%
SAO JOSE DOS CAMPOS17.563.765,00SIM-7,06%
ARACATUBA9.822.581,21SIM-7,47%
SOROCABA11.842.342,10SIM-4,90%
NOSSA SENHORA LAPA16.053.877,53SIM0,01%
PENHA FRANCA8.886.451,48SIM-0,98%
PRACA DA ARVORE11.225.648,65SIM0,21%
IPIRANGA-SP15.375.241,52SIM-5,48%
BRAS11.086.498,17SIM0,16%
SAO CAETANO DO SUL8.637.286,96SIM-5,06%
CAMPOS ELISEOS14.976.893,53SIM1,03%
PINHEIROS14.314.749,59SIM-2,32%
SANTANA11.842.306,01SIM0,88%
SANTO AMARO PAULISTA18.734.696,48SIM-8,03%
ANA ROSA11.116.184,14SIM5,35%
FREGUESIA DO O8.274.993,29SIM-1,41%
MOEMA31.151.307,64SIM8,41%
BROOKLIN PAULISTA10.992.541,05SIM-3,58%
CASA VERDE6.905.363,30SIM-1,77%
PARAISO12.211.324,87SIM3,59%
VILA CARRAO8.586.792,55SIM-5,81%
BAIRRO BOM RETIRO10.375.039,77SIM-0,92%
BONFIM17.662.545,91SIM-1,21%
PSO PIRACICABA11.453.630,24SIM-4,82%
CATEDRAL-SOROCABA5.001.197,74SIM-3,48%
PC.RUI BARBOSA-BAURU9.680.674,97SIM-9,36%
CSL SAO PAULO37.652.989,99SIM0,16%
CSL SAO PAULO II105.870.328,93SIM0,55%
6.1 Critérios utilizados na referida avaliação
Tendo em vista a finalidade da avaliação, a natureza dos imóveis avaliandos, suas situações geo-sócio-econômicas e a disponibilidade de dados e evidêncas de mercado seguras, optamos pelo "Método da Renda" na sua variante de Valor Econômico por Fluxo de Caixa Descontado, para a definição dos valores referenciais e indicadores. Também foram utilizados o Método Comparativo para a determinação de valores parciais de avaliação e aferição de parâmetros de projeção, como por exemplo o valor locativo das unidades e de venda dos terrenos dos empreendimentos e o Evolutivo (Custo) para a aferição de resultados referenciais.
7.Relação de processos judiciais, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
8.Relação de processos judiciais, repetitivos ou conexos, baseados em causas jurídicas semelhantes, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
9.Análise dos impactos em caso de perda e valores envolvidos relacionados aos processos judiciais sigilosos relevantes:
Não possui informação apresentada.

10.

Assembleia Geral

10.1 Endereços (físico ou eletrônico) nos quais os documentos relativos à assembleia geral estarão à disposição dos cotistas para análise:
Av. das Nações Unidas, 14171, torre A, 11º andar, São Paulo-SP
https://fnet.bmfbovespa.com.br/fnet/publico/abrirGerenciadorDocumentosCVM?cnpjFundo=14410722000129
10.2 Indicação dos meios de comunicação disponibilizados aos cotistas para (i) a inclusão de matérias na ordem do dia de assembleias gerais e o envio de documentos pertinentes às deliberações propostas; (ii) solicitação de lista de endereços físicos e eletrônicos dos demais cotistas para envio de pedido público de procuração.
Os cotistas poderão entrar em contato por meio de carta enviada ao endereço do administrador ou por correspondência eletrônica: vwmprodutosestruturados@votorantimwm.com.br.
10.3 Descrição das regras e procedimentos aplicáveis à participação dos cotistas em assembleias gerais, incluindo (i) formalidades exigidas para a comprovação da qualidade de cotista e representação de cotistas em assembleia; (ii) procedimentos para a realização de consultas formais, se admitidas em regulamento; (iii) regras e procedimentos para a participação à distância e envio de comunicação escrita ou eletrônica de voto.
(i) Têm qualidade para comparecer à Assembleia Geral os Quotistas inscritos no registro de Quotistas na data da convocação, seus representantes legais ou seus procuradores legalmente constituídos há menos de 1 (um) ano; (ii) Não previsto no regulamento; (iii) Ainda que não compareçam à Assembleia Geral, os Quotistas poderão votar por meio de carta ou correspondência eletrônica, desde que tal comunicação seja recebida com, no mínimo, 1 (um) Dia Útil de antecedência da data de realização da respectiva Assembleia Geral de Quotistas. Os Quotistas que participem das Assembleias Gerais por meio de tele ou videoconferência, também poderão votar por fac-símile ou correio eletrônico digitalmente certificado, desde que possível a comprovação do voto durante a realização da respectiva Assembleia Geral e desde que o resultado da votação seja proclamado pelo Presidente da Assembleia com indicação daqueles que participaram por tele ou videoconferência, sendo, ainda, admitida a gravação das mesmas.
10.3 Práticas para a realização de assembleia por meio eletrônico.
Não serão realizadas assembleias por meio eletrônico.

11.

Remuneração do Administrador

11.1Política de remuneração definida em regulamento:
Taxa de Administração. A Instituição Administradora receberá, pelos serviços prestados ao Fundo, uma Taxa de Administração (“Taxa de Administração”) de 0,277% (duzentos e setenta e sete milésimos por cento), incidente sobre (i) o valor de mercado do Fundo, calculado com base na média diária da cotação de fechamento das Cotas de emissão do fundo no mês anterior ao do pagamento da remuneração, caso referidas Cotas tenham integrado ou passado a integrar, nesse período, índice de mercado, conforme definido na regulamentação aplicável aos fundos de investimento em índices de mercado, cuja metodologia preveja critérios de inclusão que considerem a liquidez das cotas e critérios de ponderação que considerem o volume financeiro das Cotas emitidas pelo Fundo (“Índice”); ou, (ii) caso as Cotas do Fundo deixem de integrar o Índice, sobre o Patrimônio Líquido do Fundo, calculada diariamente, com base em um ano de 252 (duzentos e cinquenta e dois) Dias Úteis.
Valor pago no ano de referência (R$):% sobre o patrimônio contábil:% sobre o patrimônio a valor de mercado:
5.678.559,420,37%0,31%

12.

Governança

12.1Representante(s) de cotistas
Não possui informação apresentada.
12.2Diretor Responsável pelo FII
Nome: Alexandre Luiz ZimathIdade: 47
Profissão: Diretor geralCPF: 017.727.589-81
E-mail: vwm-fundos-contabil@votorantimwm.com.brFormação acadêmica: Engenharia de Produção
Quantidade de cotas detidas do FII: 0,00Quantidade de cotas do FII compradas no período: 0,00
Quantidade de cotas do FII vendidas no período: 0,00Data de início na função: 11/01/2021
Principais experiências profissionais durante os últimos 5 anos
Nome da EmpresaPeríodoCargo e funções inerentes ao cargoAtividade principal da empresa na qual tais experiências ocorreram
Banco BVjan/21 - atualDiretor de operações (COO)Gestão de recursos
Banco BVdez/20 - atualHead- Diretor Admin FiduciáriaGestão de recursos
Banco BVnov-dez/20Superintendente de operaçõesGestão de recursos
Banco BVjun/09 - out/20Último cargo - Superintendente de FinançasGestão de recursos
Descrição de qualquer dos seguintes eventos que tenham ocorrido durante os últimos 5 anos
EventoDescrição
Qualquer condenação criminalNão há condenações
Qualquer condenação em processo administrativo da CVM e as penas aplicadasNão há condenações
13.Distribuição de cotistas, segundo o percentual de cotas adquirido.
Faixas de PulverizaçãoNº de cotistasNº de cotas detidas% de cotas detido em relação ao total emitido% detido por PF% detido por PJ
Até 5% das cotas 65.691,0014.170.398,0089,01%94,54%5,46%
Acima de 5% até 10%
Acima de 10% até 15% 1,001.749.292,0010,99%0,00%100,00%
Acima de 15% até 20%
Acima de 20% até 30%
Acima de 30% até 40%
Acima de 40% até 50%
Acima de 50%

14.

Transações a que se refere o art. 34 e inciso IX do art.35, da Instrução CVM nº 472, de 2008

Não possui informação apresentada.

15.

Política de divulgação de informações

15.1 Descrever a política de divulgação de ato ou fato relevante adotada pelo administrador, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores, indicando os procedimentos relativos à manutenção de sigilo acerca de informações relevantes não divulgadas, locais onde estarão disponíveis tais informações, entre outros aspectos.
A Administradora deve prestar as ao titular das Quotas, imediatamente, qualquer ato ou fato relevante relativo ao Fundo, de modo a garantir ao Quotista acesso às informações que possam, direta ou indiretamente, influenciar a decisão do Quotista quanto à permanência no Fundo. A divulgação de que trata o caput será feita por correio eletrônico, correspondência registrada, em Jornal de alta circulação no território nacional ou jornal utilizado para veicular as informações relativas ao Fundo, bem como na página do administrador na rede mundial de computadores (www.vam.com.br), em lugar de destaque e disponível para acesso gratuito, e mantida disponível aos Quotistas em sua sede, devendo todos os documentos e informações correspondentes ser remetidos à CVM e aos mercados nos quais ocorra a negociação das Quotas do Fundo, na mesma data de sua divulgação.
15.2 Descrever a política de negociação de cotas do fundo, se houver, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Observadas as disposições constantes no Regulamento, as Quotas do Fundo serão admitidas à negociação no mercado secundário através (i) da BM&FBOVESPA e (ii) da CETIP.
15.3 Descrever a política de exercício do direito de voto em participações societárias do fundo, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Definido pelo comitê de investimento
15.4 Relacionar os funcionários responsáveis pela implantação, manutenção, avaliação e fiscalização da política de divulgação de informações, se for o caso.
Alexandre Luiz Zimath
16.Regras e prazos para chamada de capital do fundo:
Não possui informação apresentada.

Anexos
5.Riscos

Nota

1.A relação de prestadores de serviços de que trata o item 1.8 deve ser indicada quando o referido prestador de serviços representar mais de 5% das despesas do FII