Imprimir

Informe Anual

Nome do Fundo: TELLUS PROPERTIES FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIOCNPJ do Fundo: 26.681.370/0001-25
Data de Funcionamento: 25/11/2016Público Alvo: Investidores em Geral
Código ISIN: BRTEPPCTF006Quantidade de cotas emitidas: 3.616.910,00
Fundo Exclusivo? NãoCotistas possuem vínculo familiar ou societário familiar? Não
Classificação autorregulação: Mandato: RendaSegmento de Atuação: Lajes CorporativasTipo de Gestão: AtivaPrazo de Duração: Indeterminado
Data do Prazo de Duração: Encerramento do exercício social: 31/12
Mercado de negociação das cotas: Bolsa Entidade administradora de mercado organizado: BM&FBOVESPA
Nome do Administrador: BRL TRUST DISTRIBUIDORA DE TITULOS E VALORES MOBILIARIOS S.A.CNPJ do Administrador: 13.486.793/0001-42
Endereço: Rua Iguatemi, 151, 19º andar- Itaim Bibi- São Paulo- SP- 01451-011Telefones: (11)31330350
Site: www.brltrust.com.brE-mail: fii@brltrust.com.br
Competência: 12/2020

1.

Prestadores de serviços

CNPJ

Endereço

Telefone

1.1 Gestor: TELLUS INVESTIMENTOS E CONSULTORIA LTDA25.287.778/0001-54Avenida Brigadeiro Faria Lima, n° 2055, 4º andar, conjunto 42, São Paulo /SP(11) 4280-4300
1.2 Custodiante: BRL TRUST DTVM S.A.13.486.793/0001-42 Rua, Iguatemi, 151, 19° Andar - CEP 01451-011 São Paulo/SP(11) 3133-0350
1.3 Auditor Independente: KPMG AUDITORES INDEPENDENTES57.755.217/0012-81Rua Dr. Renato Paes de Barros, 33 - São Paulo(11) 3940-3162
1.4 Formador de Mercado: ../-
1.5 Distribuidor de cotas: ../-
1.6 Consultor Especializado: ../-
1.7 Empresa Especializada para administrar as locações: ../-
1.8 Outros prestadores de serviços¹:
Não possui informação apresentada.

2.

Investimentos FII

2.1 Descrição dos negócios realizados no período
Relação dos Ativos adquiridos no períodoObjetivosMontantes InvestidosOrigem dos recursos
FII BB PRGII - BBPO11Benefícios futuros349.854,39Recursos próprios / emissão de cotas
FII BB CORP - BBRC11Benefícios futuros155.206,70Recursos próprios / emissão de cotas
FII BC FUND - BRCR11Benefícios futuros838.238,04Recursos próprios / emissão de cotas
FII CAPI SEC - CPTS11Benefícios futuros208.300,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII CAPI SEC - CPTS13Benefícios futuros103.004,35Recursos próprios / emissão de cotas
FII G TOWERS - GTWR11Benefícios futuros238.835,98Recursos próprios / emissão de cotas
FII HG REAL - HGRE11Benefícios futuros229.848,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII HG REAL - HGRE14Benefícios futuros40.349,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII KINEA RI - KNCR11Benefícios futuros1.906.743,20Recursos próprios / emissão de cotas
FII KINEA IP - KNIP11Benefícios futuros1.100.521,64Recursos próprios / emissão de cotas
FII KINEA - KNRI11Benefícios futuros736.932,80Recursos próprios / emissão de cotas
FII RBRHGRAD - RBRR11Benefícios futuros1.644.123,36Recursos próprios / emissão de cotas
Ed Passarelli Cj155Benefícios futuros1.512.875,05Recursos próprios / emissão de cotas
Ed Passarelli Cj156Benefícios futuros1.512.875,05Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 51Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 52Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 53Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 54Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 61Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 62Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 63Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 64Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 71Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 72Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 73Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 74Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 81Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 82Benefícios futuros1.660.203,35Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 83Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas
Ed. Timbaúba - Unidade 84Benefícios futuros1.768.106,15Recursos próprios / emissão de cotas

3.

Programa de investimentos para os exercícios seguintes, incluindo, se necessário, as informações descritas no item 1.1 com relação aos investimentos ainda não realizados:

O fundo deverá concluir o investimento residual de seus recursos provenientes da terceira emissão de cotas, realizada no final de 2020. Imóveis-alvo da oferta ou demais ativos imobiliários com boa geração de renda e bem localizados estão em análise por parte da gestão, que busca continuamente recompor e maximizar os retornos no longo prazo para nossos cotistas, seguindo nosso mandato.

4.

Análise do administrador sobre:

4.1 Resultado do fundo no exercício findo
No exercício social findo em 31/12/2020, o Fundo, foi apurado o lucro no montante de R$ 21.174.802,45, sendo as principais rubricas: Resultado com operações imobiliárias no valor de R$ 22.616.231,28; Outras Receitas Operacionais no valor de R$ 8.592.897,5 e as demais despesas no valor de R$ 10.034.326,33.
4.2 Conjuntura econômica do segmento do mercado imobiliário de atuação relativo ao período findo
A indústria de fundos imobiliários se deparou com um ano extremamente desafiador em 2020. A pandemia do coronavírus desacelerou a economia como um todo e o mercado imobiliário também sofreu com isso, em especial fundos de lajes corporativas e de shoppings. O Ifix fechou o ano com queda de 11%, enquanto Ibovespa e Dólar tiveram variações de, respectivamente, 0,37% e 29,3%, demonstrando as incertezas e a volatilidade no período. O ciclo de baixa da taxa básica de juros (Selic) não foi suficiente para inibir a queda de 4,1% do PIB nacional e nem para frear o desemprego, acima de 14% na maior parte do ano. Em um ano tão atípico, fundos de lajes com ativos bem localizados e com uma gestão próxima dos inquilinos, conseguiram negociar contratos de locação visando o não aumento da vacância e a entrega de resultados para os cotistas.
4.3 Perspectiva para o período seguinte com base na composição da carteira
A perspectiva é de recuperação da economia no segundo semestre, a medida que a vacinação atinja a maioria da população. Não vemos o home office como um movimento definitivo e acreditamos na redução de vacância nos ativos A e B de regiões premium de São Paulo em 2021, onde está concentrada a carteira de lajes corporativas do fundo. Vemos um movimento de alta da taxa básica de juros a patamares saudáveis para conter a inflação e acreditamos na estabilização do IGP-M em patamares que possam ser integralmente repassados aos locatários. Como um todo, o ano de 2021 tem tudo para ser de recuperação para o segmento de lajes corporativas e fundos com ativos bem localizados devem apresentar crescimento na distribuição de dividendos.

5.

Riscos incorridos pelos cotistas inerentes aos investimentos do FII:

Ver anexo no final do documento. Anexos
6. Valor Contábil dos ativos imobiliários do FIIValor Justo, nos termos da ICVM 516 (SIM ou NÃO)Percentual de Valorização/Desvalorização apurado no período
Relação de ativos imobiliáriosValor (R$)
FII BB PRGII - BBPO11349.854,39SIM0,00%
FII BB CORP - BBRC11155.206,70SIM0,00%
FII BC FUND - BRCR11838.238,04SIM0,00%
FII CAPI SEC - CPTS11208.300,00SIM0,00%
FII CAPI SEC - CPTS13103.004,35SIM0,00%
FII G TOWERS - GTWR11238.835,98SIM0,00%
FII HG REAL - HGRE11229.848,00SIM0,00%
FII HG REAL - HGRE1440.349,00SIM0,00%
FII KINEA RI - KNCR111.906.743,20SIM0,00%
FII KINEA IP - KNIP111.100.521,64SIM0,00%
FII KINEA - KNRI11736.932,80SIM0,00%
FII RBRHGRAD - RBRR111.644.123,36SIM0,00%
Ed Passarelli Cj 1011.624.170,53SIM2,24%
Ed Passarelli Cj 1021.614.316,16SIM1,62%
Ed Passarelli Cj 1031.614.316,16SIM1,62%
Ed Passarelli Cj 1041.614.316,16SIM1,62%
Ed Passarelli Cj 1051.614.316,16SIM1,62%
Ed Passarelli Cj 1061.614.316,16SIM1,62%
Ed Passarelli Cj 1341.687.519,42SIM1,79%
Ed Passarelli Cj 1351.687.519,54SIM1,79%
Ed Passarelli Cj 1361.687.519,41SIM1,79%
Ed Passarelli Cj 1411.700.416,23SIM1,81%
Ed Passarelli Cj 1421.700.416,23SIM1,81%
Ed Passarelli Cj 1431.702.881,29SIM1,96%
Ed Passarelli Cj 1441.699.243,85SIM1,74%
Ed Passarelli Cj 1451.699.850,09SIM1,78%
Ed Passarelli Cj 1461.699.850,09SIM1,78%
Ed Passarelli Cj 1511.699.973,05SIM1,77%
Ed Passarelli Cj1551.553.065,42SIM2,66%
Ed Passarelli Cj1561.553.065,42SIM2,66%
Ed Passarelli Cj 1611.589.461,38SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 1621.700.723,57SIM1,85%
Ed Passarelli Cj 1631.693.338,97SIM1,86%
Ed Passarelli Cj 1641.594.539,51SIM1,96%
Ed Passarelli Cj 1651.593.424,77SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 1661.589.461,38SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 411.591.630,98SIM2,01%
Ed Passarelli Cj 421.590.281,20SIM1,93%
Ed Passarelli Cj 461.590.547,31SIM1,96%
Ed Passarelli Cj 631.589.453,56SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 641.589.453,56SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 651.589.453,57SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 711.608.753,70SIM3,40%
Ed Passarelli Cj 731.590.071,37SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 741.591.186,25SIM1,96%
Ed Passarelli Cj 751.589.461,37SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 761.589.461,37SIM1,89%
Ed Passarelli Cj 911.585.290,39SIM6,69%
Ed Passarelli Cj 921.585.290,42SIM6,69%
Ed Passarelli Cj 931.585.290,42SIM6,69%
Ed Passarelli Cj 941.585.290,40SIM6,69%
Ed Passarelli Cj 951.585.689,07SIM6,69%
Ed Passarelli Cj 961.585.689,07SIM6,69%
Ed. Timbaúba - Unidade 511.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 521.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 531.768.413,65SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 541.768.413,65SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 611.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 621.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 631.768.413,65SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 641.768.413,65SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 711.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 721.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 731.768.413,65SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 741.768.413,65SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 811.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 821.660.510,85SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 831.768.413,65SIM0,02%
Ed. Timbaúba - Unidade 841.768.413,65SIM0,02%
São Luiz151.920.792,48SIM0,38%
Torre Sul119.618.664,60SIM0,44%
6.1 Critérios utilizados na referida avaliação
Entende-se por valor justo o valor pelo qual um ativo pode ser trocado ou um passivo liquidado entre partes independentes, conhecedoras do negócio e dispostas a realizar a transação, sem que represente uma operação forçada, conforme instrução CVM 516, Art. 7º §1º. Os fundos de investimentos imobiliários são trazidos ao valor justo através da marcação a mercado e os imóveis são avalidados conforme laudo de avaliação efetuado por consultor independente contratado pelo administrador.
7.Relação de processos judiciais, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
8.Relação de processos judiciais, repetitivos ou conexos, baseados em causas jurídicas semelhantes, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
9.Análise dos impactos em caso de perda e valores envolvidos relacionados aos processos judiciais sigilosos relevantes:
Não possui informação apresentada.

10.

Assembleia Geral

10.1 Endereços (físico ou eletrônico) nos quais os documentos relativos à assembleia geral estarão à disposição dos cotistas para análise:
Rua Iguatemi nº 151 19º andar Bairro Itaim Bibi Cidade de São Paulo Estado de São Paulo
WWW.BRLTRUST.COM.BR
10.2 Indicação dos meios de comunicação disponibilizados aos cotistas para (i) a inclusão de matérias na ordem do dia de assembleias gerais e o envio de documentos pertinentes às deliberações propostas; (ii) solicitação de lista de endereços físicos e eletrônicos dos demais cotistas para envio de pedido público de procuração.
A convocação da Assembleia Geral de Cotistas pelo Administrador far-se-á mediante correspondência encaminhada a cada Cotista, por meio de correio eletrônico (email), contendo, obrigatoriamente, o dia, hora e local em que será realizada tal Assembleia e ainda, de forma sucinta, os assuntos a serem tratados.
10.3 Descrição das regras e procedimentos aplicáveis à participação dos cotistas em assembleias gerais, incluindo (i) formalidades exigidas para a comprovação da qualidade de cotista e representação de cotistas em assembleia; (ii) procedimentos para a realização de consultas formais, se admitidas em regulamento; (iii) regras e procedimentos para a participação à distância e envio de comunicação escrita ou eletrônica de voto.
A convocação da Assembleia Geral de Cotistas deve ser feita com pelo menos 30 (trinta) dias de antecedência no caso de Assembleias Gerais Ordinárias e com pelo menos 15 (quinze) dias de antecedência no caso de Assembleias Gerais 30 Extraordinárias, contado o prazo da data de comprovação de recebimento da convocação pelos Cotistas.
10.3 Práticas para a realização de assembleia por meio eletrônico.
A convocação da Assembleia Geral de Cotistas pelo Administrador far-se-á mediante correspondência encaminhada a cada Cotista, por meio de correio eletrônico (email), contendo, obrigatoriamente, o dia, hora e local em que será realizada tal Assembleia e ainda, de forma sucinta, os assuntos a serem tratados.

11.

Remuneração do Administrador

11.1Política de remuneração definida em regulamento:
Pela administração do Fundo, nela compreendida as atividades de administração do Fundo, gestão dos Ativos Imobiliários, tesouraria, custódia, controle e processamento dos títulos e valores mobiliários integrantes de sua carteira e escrituração da emissão de suas Cotas, e pelos serviços prestados pelo Gestor, o Fundo pagará uma Taxa de Administração, equivalente a até 1,17% (um inteiro e dezessete centésimos por cento) ao ano sobre o Patrimônio Líquido do Fundo, observado que: i) Será devido ao Administrador, pelos serviços de administração, custódia e serviços qualificados: a. nos primeiros 9 (nove) meses contados a partir do dia subsequente à Data da 1ª Integralização de Cotas, o valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) ao mês; e . a partir do 10º (décimo) mês, inclusive, contado a partir do dia subsequente à Data da 1ª Integralização de Cotas, o valor equivalente a: Percentual sobre o PL ou valor de mercado (Pós IFIX) 0,15% a.a. - Faixa de Valor do Patrimônio Líquido do Fundo ou valor de mercado (Pós IFIX) - De 0 a R$ 300.000.000,00 Percentual sobre o PL ou valor de mercado (Pós IFIX) 0,13% a.a. - Faixa de Valor do Patrimônio Líquido do Fundo ou valor de mercado (Pós IFIX) - De R$ 300.000.000,01 a R$ 800.000.000,00 Percentual sobre o PL ou valor de mercado (Pós IFIX) 0,10% a.a. - Faixa de Valor do Patrimônio Líquido do Fundo ou valor de mercado (Pós IFIX) - Acima de R$ 800.000.000,00
Valor pago no ano de referência (R$):% sobre o patrimônio contábil:% sobre o patrimônio a valor de mercado:
700.158,920,19%0,20%

12.

Governança

12.1Representante(s) de cotistas
Não possui informação apresentada.
12.2Diretor Responsável pelo FII
Nome: Danilo Christófaro BarbieriIdade: 41
Profissão: Administrador de empresasCPF: 28729710847
E-mail: dbarbieri@brltrust.com.brFormação acadêmica: Administrador de empresas
Quantidade de cotas detidas do FII: 0,00Quantidade de cotas do FII compradas no período: 0,00
Quantidade de cotas do FII vendidas no período: 0,00Data de início na função: 01/04/2018
Principais experiências profissionais durante os últimos 5 anos
Nome da EmpresaPeríodoCargo e funções inerentes ao cargoAtividade principal da empresa na qual tais experiências ocorreram
BRL TRUST DTVM S.ADesde 01/04/2016Sócio-DiretorAdministrador fiduciário
BANCO SANTANDER BRASIL S.Ade 1999 até 03/2016SuperindententeCountry Head da Santander Securities Services
Descrição de qualquer dos seguintes eventos que tenham ocorrido durante os últimos 5 anos
EventoDescrição
Qualquer condenação criminal
Qualquer condenação em processo administrativo da CVM e as penas aplicadas
13.Distribuição de cotistas, segundo o percentual de cotas adquirido.
Faixas de PulverizaçãoNº de cotistasNº de cotas detidas% de cotas detido em relação ao total emitido% detido por PF% detido por PJ
Até 5% das cotas 6.621,002.293.836,0063,45%46,21%17,24%
Acima de 5% até 10% 1,00330.639,009,15%0,00%9,15%
Acima de 10% até 15%
Acima de 15% até 20%
Acima de 20% até 30% 1,00992.435,0027,45%0,00%27,45%
Acima de 30% até 40%
Acima de 40% até 50%
Acima de 50%

14.

Transações a que se refere o art. 34 e inciso IX do art.35, da Instrução CVM nº 472, de 2008

Não possui informação apresentada.

15.

Política de divulgação de informações

15.1 Descrever a política de divulgação de ato ou fato relevante adotada pelo administrador, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores, indicando os procedimentos relativos à manutenção de sigilo acerca de informações relevantes não divulgadas, locais onde estarão disponíveis tais informações, entre outros aspectos.
A divulgação de ato ou fato relevante pela Administradora é realizada nos termos da regulamentação aplicável e seu conteúdo é disponibilizado no sistema Fundos.Net, vinculado à CVM e à B3, bem como no site da Administradora http://www.brltrust.com.br
15.2 Descrever a política de negociação de cotas do fundo, se houver, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
A negociação das cotas do Fundo é realizada exclusivamente por meio dos sistemas operacionalizados pela B3 - Brasil, Bolsa, Balcão S.A.
15.3 Descrever a política de exercício do direito de voto em participações societárias do fundo, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
www.brltrust.com.br
15.4 Relacionar os funcionários responsáveis pela implantação, manutenção, avaliação e fiscalização da política de divulgação de informações, se for o caso.
Daniela Assarito Bonifacio Borovicz – CPF: 320.334.648-65 - Diretora responsável pelo Departamento Jurídico.
16.Regras e prazos para chamada de capital do fundo:
As regras e prazos para chamada de capital do Fundo, se houver, estarão previstas nos documentos relativos às ofertas de distribuição de cada emissão de cotas.

Anexos
5.Riscos

Nota

1.A relação de prestadores de serviços de que trata o item 1.8 deve ser indicada quando o referido prestador de serviços representar mais de 5% das despesas do FII