Imprimir

Informe Anual

Nome do Fundo: BB RENDA DE PAPÉIS IMOBILIÁRIOS FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FIICNPJ do Fundo: 15.394.563/0001-89
Data de Funcionamento: 07/05/2012Público Alvo: Investidores em Geral
Código ISIN: BRRNDPCTF007Quantidade de cotas emitidas: 107.481,00
Fundo Exclusivo? NãoCotistas possuem vínculo familiar ou societário familiar? Não
Classificação autorregulação: Mandato: Títulos e Valores MobiliáriosSegmento de Atuação: Títulos e Val. Mob.Tipo de Gestão: AtivaPrazo de Duração: Determinado
Data do Prazo de Duração: 30/04/2022Encerramento do exercício social: 31/12
Mercado de negociação das cotas: Bolsa Entidade administradora de mercado organizado: BM&FBOVESPA
Nome do Administrador: VOTORANTIM ASSET MANAGEMENT DTVM LTDA.CNPJ do Administrador: 03.384.738/0001-98
Endereço: Avenida das Nações Unidas, 14171, torre A - 11º andar- Vila Gertrudes- São Paulo- SP- 04794-000Telefones: (11) 5171-5096
Site: www.vam.com.brE-mail: vwmprodutosestruturados@votorantimwm.com.br
Competência: 12/2016

1.

Prestadores de serviços

CNPJ

Endereço

Telefone

1.1 Gestor: Votorantim Asset Management DTVM Ltda.03.384.738/0001-98Av. das Nações Unidas, 14171, torre A, 11º andar, São Paulo-SP(11) 5171-5359
1.2 Custodiante: Banco do Brasil S.A.19.1./-SBS, Quadra 01, Bloco G, Ed Sede III, Brasilia-DF(11) 3008-3562
1.3 Auditor Independente: PricewaterhouseCoopers Auditores Independentes61..56.2.1/12/0-00Av. Francisco Matarazzo, 1400 – Torre Torino(11) 3674-3860
1.4 Formador de Mercado: ../-
1.5 Distribuidor de cotas: ../-
1.6 Consultor Especializado: ../-
1.7 Empresa Especializada para administrar as locações: ../-
1.8 Outros prestadores de serviços¹:
Não possui informação apresentada.

2.

Investimentos FII

2.1 Descrição dos negócios realizados no período
Relação dos Ativos adquiridos no períodoObjetivosMontantes InvestidosOrigem dos recursos
CRI Aliansce Bangu - 16D0062179 Auferir receita por meio da variação do papel8.000.000,00Disponibilidades
CRI CCP - 16I0994037 Auferir receita por meio da variação do papel5.000.000,00Disponibilidades
CRI BR Malls - 16E0708202 Auferir receita por meio da variação do papel4.000.000,00Disponibilidades
CRI WTC - 16L0089814 Auferir receita por meio da variação do papel2.500.000,00Disponibilidades

3.

Programa de investimentos para os exercícios seguintes, incluindo, se necessário, as informações descritas no item 1.1 com relação aos investimentos ainda não realizados:

O objetivo do fundo é proporcionar aos cotistas rentabilidades do investimento conforme seu benchmark, primordialmente por meio de investimento em ativos de base imobiliária com lastro em recebíveis imobiliários (CRI, Letras de Crédito Imobiliário, Letras Hipotecárias e Cotas de Outros Fundos de Investimento Imobiliário), auferindo receitas por meio da aquisição, manutenção e venda dos “Ativos-Alvo” respeitando a política de investimento do fundo. As disponibilidades financeiras do fundo que não estejam aplicadas nos Ativos-Alvo serão aplicadas em cotas de fundos de investimento ou títulos de renda fixa, públicos ou privados, com liquidez compatível com suas necessidades de recursos financeiros, e acordo com as normas editadas pela CVM e Regulamento. Todas as aquisições de “Ativos-Alvo” são embasadas em estudos financeiros, técnicos e de viabilidade realizados pelo gestor/administrador e aprovadas pelo Comitê de Investimento do gestor/administrador. O comitê delibera sobre a estratégia de aquisição e venda dos ativos do fundo, e avalia o cenário econômico, o mercado imobiliário atual e suas perspectivas, de forma a antecipar as consequências para o fundo e sugerir alternativas para minimizar riscos e maximizar retorno dos “Ativos-Alvo”. Adicionalmente são realizados acompanhamento/monitoramento periódicos de risco sobre a composição da carteira pelo Administrador, com o intuito de minimizar eventuais riscos oferecidos, antecipando potenciais problemas e agindo perante os emissores em relação a alternativas para mitigar tais riscos.

4.

Análise do administrador sobre:

4.1 Resultado do fundo no exercício findo
A rentabilidade do Fundo em 2016 foi de 15,10%, contra 14,63% no ano anterior, sendo que em relação ao CDI, em 2016 foi de 108%, contra 111% no ano anterior. O resultado financeiro líquido do fundo é de R$ 11.484.616, o que representa R$ 106,85 por cota.
4.2 Conjuntura econômica do segmento do mercado imobiliário de atuação relativo ao período findo
No ano de 2016 teve um aumento no volume de emissão de certificados de recebíveis imobiliários (CRI): houve um total de R$ 17,478 milhões, um aumento de 77% em relação ao volume de 2015, segundo dados da Anbima. Entretanto o número de operações teve uma redução de 15,65% em relação ao ano anterior.
4.3 Perspectiva para o período seguinte com base na composição da carteira
Investimento em ativos de base imobiliária com lastro em recebíveis imobiliários (CRI, Letras de Crédito Imobiliário, Letras Hipotecárias e Cotas de Outros Fundos de Investimento Imobiliário), auferindo receitas por meio da aquisição, manutenção e venda dos “Ativos-Alvo” respeitando a política de investimento do fundo.

5.

Riscos incorridos pelos cotistas inerentes aos investimentos do FII:

Ver anexo no final do documento. Anexos
6. Valor Contábil dos ativos imobiliários do FIIValor Justo, nos termos da ICVM 516 (SIM ou NÃO)Percentual de Valorização/Desvalorização apurado no período
Relação de ativos imobiliáriosValor (R$)
Não possui informação apresentada.
6.1 Critérios utilizados na referida avaliação
Os ativos podem ser classificados a valor de mercado ou na curva.
7.Relação de processos judiciais, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
8.Relação de processos judiciais, repetitivos ou conexos, baseados em causas jurídicas semelhantes, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
9.Análise dos impactos em caso de perda e valores envolvidos relacionados aos processos judiciais sigilosos relevantes:
Não possui informação apresentada.

10.

Assembleia Geral

10.1 Endereços (físico ou eletrônico) nos quais os documentos relativos à assembleia geral estarão à disposição dos cotistas para análise:
AV. DAS NAÇÕES UNIDAS, 14.171 TORRE A 11º ANDAR VILA GERTRUDES SÃO PAULO SP 4794000
https://fnet.bmfbovespa.com.br/fnet/publico/abrirGerenciadorDocumentosCVM?cnpjFundo=15394563000189
10.2 Indicação dos meios de comunicação disponibilizados aos cotistas para (i) a inclusão de matérias na ordem do dia de assembleias gerais e o envio de documentos pertinentes às deliberações propostas; (ii) solicitação de lista de endereços físicos e eletrônicos dos demais cotistas para envio de pedido público de procuração.
Os cotistas poderão entrar em contato por meio de carta enviada ao endereço do administrador ou por correspondência eletrônica: vwmprodutosestruturados@votorantimwm.com.br
10.3 Descrição das regras e procedimentos aplicáveis à participação dos cotistas em assembleias gerais, incluindo (i) formalidades exigidas para a comprovação da qualidade de cotista e representação de cotistas em assembleia; (ii) procedimentos para a realização de consultas formais, se admitidas em regulamento; (iii) regras e procedimentos para a participação à distância e envio de comunicação escrita ou eletrônica de voto.
(i) Têm qualidade para comparecer à Assembleia Geral os Quotistas inscritos no registro de Quotistas na data da convocação, seus representantes legais ou seus procuradores legalmente constituídos há menos de 1 (um) ano; (ii) Não previsto no regulamento; (iii) Ainda que não compareçam à Assembleia Geral, os Quotistas poderão votar por meio de carta ou correspondência eletrônica, desde que tal comunicação seja recebida com, no mínimo, 1 (um) Dia Útil de antecedência da data de realização da respectiva Assembleia Geral de Quotistas. Os Quotistas que participem das Assembleias Gerais por meio de tele ou videoconferência, também poderão votar por fac-símile ou correio eletrônico digitalmente certificado, desde que possível a comprovação do voto durante a realização da respectiva Assembleia Geral e desde que o resultado da votação seja proclamado pelo Presidente da Assembleia com indicação daqueles que participaram por tele ou videoconferência, sendo, ainda, admitida a gravação das mesmas.
10.3 Práticas para a realização de assembleia por meio eletrônico.
Não será realizado assembleias por meio eletrônico.

11.

Remuneração do Administrador

11.1Política de remuneração definida em regulamento:
O Fundo paga taxa de administração de 0,551% a.a. (quinhentos e cinquenta e um milésimos por cento ao ano) sobre o valor do Patrimônio Líquido do FUNDO, calculada na forma percentual ao ano, e provisionada diariamente à razão de 1/252 e paga mensalmente até o 10º (décimo) dia útil do mês subsequente.
Valor pago no ano de referência (R$):% sobre o patrimônio contábil:% sobre o patrimônio a valor de mercado:
630.892,000,66%0,58%

12.

Governança

12.1Representante(s) de cotistas
Não possui informação apresentada.
12.2Diretor Responsável pelo FII
Nome: Robert John Van DijkIdade: 58
Profissão: AdministradorCPF: 4033063889
E-mail: vwmprodutosestruturados@votorantimwm.com.brFormação acadêmica: Administração de Empresa - FGV São Paulo
Quantidade de cotas detidas do FII: 0,00Quantidade de cotas do FII compradas no período: 0,00
Quantidade de cotas do FII vendidas no período: 0,00Data de início na função: 29/04/2011
Principais experiências profissionais durante os últimos 5 anos
Nome da EmpresaPeríodoCargo e funções inerentes ao cargoAtividade principal da empresa na qual tais experiências ocorreram
VOTORANTIM ASSET MANAGEMENT DTVM LTDA.29/04/2011 até o presente momentoDiretor GeralAdministração de fundos de investimento
Descrição de qualquer dos seguintes eventos que tenham ocorrido durante os últimos 5 anos
EventoDescrição
Qualquer condenação criminalnão houve condenação
Qualquer condenação em processo administrativo da CVM e as penas aplicadasnão houve condenação
13.Distribuição de cotistas, segundo o percentual de cotas adquirido.
Faixas de PulverizaçãoNº de cotistasNº de cotas detidas% de cotas detido em relação ao total emitido% detido por PF% detido por PJ
Até 5% das cotas 1.165,0095.056,0088,00%40,00%60,00%
Acima de 5% até 10% 2,0012.425,0012,00%95,00%5,00%
Acima de 10% até 15% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 15% até 20% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 20% até 30% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 30% até 40% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 40% até 50% 0,000,000,00%0,00%0,00%
Acima de 50% 0,000,000,00%0,00%0,00%

14.

Transações a que se refere o art. 34 e inciso IX do art.35, da Instrução CVM nº 472, de 2008

Não possui informação apresentada.

15.

Política de divulgação de informações

15.1 Descrever a política de divulgação de ato ou fato relevante adotada pelo administrador, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores, indicando os procedimentos relativos à manutenção de sigilo acerca de informações relevantes não divulgadas, locais onde estarão disponíveis tais informações, entre outros aspectos.
A Administradora deve prestar aos titulares das Quotas, imediatamente, qualquer ato ou fato relevante relativo ao Fundo, de modo a garantir ao Quotista acesso às informações que possam, direta ou indiretamente, influenciar a decisão do Quotista quanto à permanência no Fundo. A divulgaçãoserá feita por correio eletrônico, correspondência registrada, em Jornal de alta circulação no território nacional ou jornal utilizado para veicular as informações relativas ao Fundo, bem como na página do administrador na rede mundial de computadores (www.vam.com.br), em lugar de destaque e disponível para acesso gratuito, e mantida disponível aos Quotistas em sua sede, devendo todos os documentos e informações correspondentes ser remetidos à CVM e aos mercados nos quais ocorra a negociação das Quotas do Fundo, na mesma data de sua divulgação.
15.2 Descrever a política de negociação de cotas do fundo, se houver, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Observadas as disposições constantes no Regulamento, as Quotas do Fundo serão admitidas à negociação no mercado secundário através (i) da BM&FBOVESPA e (ii) da CETIP.
15.3 Descrever a política de exercício do direito de voto em participações societárias do fundo, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
Definido pelo comitê de investimento
15.4 Relacionar os funcionários responsáveis pela implantação, manutenção, avaliação e fiscalização da política de divulgação de informações, se for o caso.
Reinaldo Holanda de Lacerda - Diretor de Gestão
16.Regras e prazos para chamada de capital do fundo:
O fundo não prevê nova chamada de capital para as cotas subscritas e integralizadas.

Anexos
5.Riscos

Nota

1.A relação de prestadores de serviços de que trata o item 1.8 deve ser indicada quando o referido prestador de serviços representar mais de 5% das despesas do FII