Imprimir

Informe Anual

Nome do Fundo: VINCI OFFICES FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIOCNPJ do Fundo: 12.516.185/0001-70
Data de Funcionamento: 24/07/2013Público Alvo: Investidores em Geral
Código ISIN: BRVINOCTF001Quantidade de cotas emitidas: 12.673.868,00
Fundo Exclusivo? NãoCotistas possuem vínculo familiar ou societário familiar? Não
Classificação autorregulação: Mandato: RendaSegmento de Atuação: Lajes CorporativasTipo de Gestão: AtivaPrazo de Duração: Indeterminado
Data do Prazo de Duração: Encerramento do exercício social: 31/12
Mercado de negociação das cotas: Bolsa Entidade administradora de mercado organizado: BM&FBOVESPA
Nome do Administrador: BRL TRUST DISTRIBUIDORA DE TITULOS E VALORES MOBILIARIOS S.A.CNPJ do Administrador: 13.486.793/0001-42
Endereço: Rua Iguatemi, 151, 19º andar- Itaim Bibi- São Paulo- SP- 01451-011Telefones: (11)31330350
Site: www.brltrust.com.brE-mail: fii@brltrust.com.br
Competência: 12/2020

1.

Prestadores de serviços

CNPJ

Endereço

Telefone

1.1 Gestor: VINCI REAL ESTATE GESTORA DE RECURSOS LTDA.13.838.015/0001-75Avenida Bartolomeu Mitre nº 336, 5º andar, parte, Leblon, Rio de Janeiro(11) 3572-3700
1.2 Custodiante: BRL TRUST DTVM S.A.13.486.793/0001-42 Rua, Iguatemi, 151, 19° Andar - CEP 01451-011 São Paulo/SP(11)3133-0350
1.3 Auditor Independente: PRICEWATERHOUSECOOPERS AUDITORES INDEPENDENTES61.562.112/0009-88Torre Torino, Av. Francisco Matarazzo, 1400 - Água Branca, São Paulo (11) 3674-2000
1.4 Formador de Mercado: ../-
1.5 Distribuidor de cotas: ../-
1.6 Consultor Especializado: ../-
1.7 Empresa Especializada para administrar as locações: ../-
1.8 Outros prestadores de serviços¹:
Não possui informação apresentada.

2.

Investimentos FII

2.1 Descrição dos negócios realizados no período
Relação dos Ativos adquiridos no períodoObjetivosMontantes InvestidosOrigem dos recursos
FII BC FUND - BRCR11Benefícios futuros10.345.397,94Recursos próprios / emissão de cotas
FII CAP REIT - CPFF11Benefícios futuros1.326.005,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII CAPI SEC - CPTS13Benefícios futuros170.181,10Recursos próprios / emissão de cotas
FII CSHG CRI - HGCR11Benefícios futuros1.683.670,20Recursos próprios / emissão de cotas
FII HG REAL - HGRE11Benefícios futuros77.401,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII CSHG CRI - HGRE13Benefícios futuros349.953,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII HG REAL - HGRE14Benefícios futuros5.495,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII JS REAL - JSRE11Benefícios futuros346.225,20Recursos próprios / emissão de cotas
FII KINEA RI - KNCR11Benefícios futuros6.604.744,65Recursos próprios / emissão de cotas
FII KINEA IP - KNIP11Benefícios futuros3.021.859,62Recursos próprios / emissão de cotas
FII KINEA - KNRI11Benefícios futuros3.320.417,92Recursos próprios / emissão de cotas
FII MOGNO - MGFF11Benefícios futuros3.364.714,54Recursos próprios / emissão de cotas
FII RBRALPHA - RBRF11Benefícios futuros657.032,50Recursos próprios / emissão de cotas
FII RBRALPHA - RBRF13Benefícios futuros24.034,20Recursos próprios / emissão de cotas
FII RBRHGRAD - RBRR11Benefícios futuros2.111.251,40Recursos próprios / emissão de cotas
FII RIOB VA CI - RBVA11Benefícios futuros1.301.422,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII RIOB VA CI - RBVA13Benefícios futuros30.000.084,00Recursos próprios / emissão de cotas
FII XP PROP - XPPR11Benefícios futuros2.542.320,78Recursos próprios / emissão de cotas
C&A - AlphavilleBenefícios futuros48.000.000,00Recursos próprios / emissão de cotas
LAB 1404Benefícios futuros17.300.000,00Recursos próprios / emissão de cotas
BMA CorporateBenefícios futuros142.000.000,00Recursos próprios / emissão de cotas

3.

Programa de investimentos para os exercícios seguintes, incluindo, se necessário, as informações descritas no item 1.1 com relação aos investimentos ainda não realizados:

O objetivo do Fundo é a obtenção de renda, mediante a aplicação de recursos correspondentes, a, no mínimo, 2/3 (dois terços) de seu Patrimônio Líquido em Imóveis prontos ou em construção, bem como em quaisquer direitos reais sobre os Imóveis, ou, ainda, pelo investimento indireto em Imóveis, mediante a aquisição de Ativos Imobiliários.A aquisição dos Imóveis pelo Fundo visa proporcionar aos seus Cotistas a rentabilidade decorrente da exploração comercial dos Imóveis, bem como pela eventual comercialização dos Imóveis por meio de uma gestão ativa. O Fundo poderá realizar reformas ou benfeitorias nos Imóveis com o objetivo de potencializar os retornos decorrentes de sua exploração comercial ou eventual comercialização.

4.

Análise do administrador sobre:

4.1 Resultado do fundo no exercício findo
No exercício social findo em 31/12/2020, o Fundo, foi apurado o lucro e ou (prejuízo) no montante de R$ 57.797.872,8, sendo as principais rubricas: Resultado com operações imobiliárias no valor de R$ 78.960.524,81; Rendas de Títulos e Valores Mobiliários no valor de R$ 41.117.378,63, Outras Receitas Operacionais no valor de R$ 22.057.588,07 e as demais despesas no valor de R$ 84.337.618,71. O Fundo anunciou a sua distribuição de rendimentos referente ao mês de dezembro de 2020, no valor de R$ 0,42/cota, equivalente a um dividend yied anualizado de 8,0% sobre a cota de mercado ao fim de dezembro/20.
4.2 Conjuntura econômica do segmento do mercado imobiliário de atuação relativo ao período findo
A indústria de fundos de investimento imobiliários, apesar da pandemia do COVID-19, continuou em ritmo acelerado de crescimento atingindo ao final de dez/20 um valor patrimonial de cerca de R$ 135 bilhões, distribuídos entre mais de 1,2 milhões de investidores. Além da diversidade de mandatos e estratégias, a indústria de FIIs se beneficiou diretamente do movimento de queda da taxa de juros (Selic), que permitiu uma queda nas taxas de financiamento imobiliário e incentivou a migração de investidores que buscam alternativas à renda fixa. Tratando mais especificamente do segmento de Edifícios Coporativos, apesar da alta aderência ao trabalho remoto durante a pandemia do COVID-19, diversos estudos mostram que efeitos de longo prazo não podem ser confirmados e que a importância e papel dos escritórios não diminuirá, opiniões que até então foram corroboradas pelos movimentos vistos no segmento (aumento de vacância e queda de alugueis pouco expressivas).
4.3 Perspectiva para o período seguinte com base na composição da carteira
De acordo com o Boletim Focus, emitido pelo BACEN em 31/12/2020, as expectativas para os próximos períodos são que o índice IPCA (índice de Preços ao Consumidor Amplo), medido mensalmente pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), apresente uma pequena redução em 2021, e a Taxa Selic Meta sofra aumento de 100 pontos base até o final do ano, patamar ainda baixo quando comparado com as taxas históricas. Estes movimentos ainda apresentam um cenário favorável para os fundos imobiliários. A pandemia do Covid-19 impactou os diferentes segmentos do mercado imobiliário de formas distintas, tendo impulsionado o setor de logística principalmente em razão da expansão do e-commerce e prejudicado o setor de escritórios e shopping centers, que devido à lockdowns e restrições de circulação tiveram sua capacidade reduzida e operações afetadas. O esforço de vacinação, apesar de lento, deverá proporcionar o retorno das atividades em geral, impulsionando o mercado imobiliário no próximo ano.

5.

Riscos incorridos pelos cotistas inerentes aos investimentos do FII:

Ver anexo no final do documento. Anexos
6. Valor Contábil dos ativos imobiliários do FIIValor Justo, nos termos da ICVM 516 (SIM ou NÃO)Percentual de Valorização/Desvalorização apurado no período
Relação de ativos imobiliáriosValor (R$)
C&A - Alphaville48.000.000,00SIM0,00%
LAB 140417.300.000,00SIM0,00%
BMA Corporate142.000.000,00SIM0,00%
Brooklyn Business Square62.400.000,00SIM0,00%
Oscar Freire 58593.967.476,00SIM0,00%
Vita Corá63.200.000,00SIM0,00%
Haddock Lobo137.200.633,00SIM0,00%
BM336210.200.000,00SIM0,00%
FII BC FUND - BRCR1110.345.397,94SIM0,00%
FII CAP REIT - CPFF111.326.005,00SIM0,00%
FII CAPI SEC - CPTS13170.181,10SIM0,00%
FII CSHG CRI - HGCR111.683.670,20SIM0,00%
FII HG REAL - HGRE1177.401,00SIM0,00%
FII CSHG CRI - HGRE13349.953,00SIM0,00%
FII HG REAL - HGRE145.495,00SIM0,00%
FII JS REAL - JSRE11346.225,20SIM0,00%
FII KINEA RI - KNCR116.604.744,65SIM0,00%
FII KINEA IP - KNIP113.021.859,62SIM0,00%
FII KINEA - KNRI113.320.417,92SIM0,00%
FII MOGNO - MGFF113.364.714,54SIM0,00%
FII RBRALPHA - RBRF11657.032,50SIM0,00%
FII RBRALPHA - RBRF1324.034,20SIM0,00%
FII RBRHGRAD - RBRR112.111.251,40SIM0,00%
FII RIOB VA CI - RBVA111.301.422,00SIM0,00%
FII RIOB VA CI - RBVA1330.000.084,00SIM0,00%
FII XP PROP - XPPR112.542.320,78SIM0,00%
6.1 Critérios utilizados na referida avaliação
Entende-se por valor justo o valor pelo qual um ativo pode ser trocado ou um passivo liquidado entre partes independentes, conhecedoras do negócio e dispostas a realizar a transação, sem que represente uma operação forçada, conforme instrução CVM 516, Art. 7º §1º. Os imóveis são avalidados conforme laudo de avaliação efetuado por consultor independente contratado pelo administrador. Os fundos de investimentos imobiliários são trazidos ao valor justo através da marcação a mercado.
7.Relação de processos judiciais, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
8.Relação de processos judiciais, repetitivos ou conexos, baseados em causas jurídicas semelhantes, não sigilosos e relevantes
Não possui informação apresentada.
9.Análise dos impactos em caso de perda e valores envolvidos relacionados aos processos judiciais sigilosos relevantes:
Não possui informação apresentada.

10.

Assembleia Geral

10.1 Endereços (físico ou eletrônico) nos quais os documentos relativos à assembleia geral estarão à disposição dos cotistas para análise:
Rua Iguatemi nº 151 19º andar Bairro Itaim Bibi Cidade de São Paulo Estado de São Paulo
WWW.BRLTRUST.COM.BR
10.2 Indicação dos meios de comunicação disponibilizados aos cotistas para (i) a inclusão de matérias na ordem do dia de assembleias gerais e o envio de documentos pertinentes às deliberações propostas; (ii) solicitação de lista de endereços físicos e eletrônicos dos demais cotistas para envio de pedido público de procuração.
A convocação da Assembleia Geral de Cotistas pelo Administrador far-se-á mediante correspondência encaminhada a cada Cotista, por meio de correio eletrônico (email), contendo, obrigatoriamente, o dia, hora e local em que será realizada tal Assembleia e ainda, de forma sucinta, os assuntos a serem tratados.
10.3 Descrição das regras e procedimentos aplicáveis à participação dos cotistas em assembleias gerais, incluindo (i) formalidades exigidas para a comprovação da qualidade de cotista e representação de cotistas em assembleia; (ii) procedimentos para a realização de consultas formais, se admitidas em regulamento; (iii) regras e procedimentos para a participação à distância e envio de comunicação escrita ou eletrônica de voto.
A convocação da Assembleia Geral de Cotistas deve ser feita com pelo menos 30 (trinta) dias de antecedência no caso de Assembleias Gerais Ordinárias e com pelo menos 15 (quinze) dias de antecedência no caso de Assembleias Gerais 30 Extraordinárias, contado o prazo da data de comprovação de recebimento da convocação pelos Cotistas.
10.3 Práticas para a realização de assembleia por meio eletrônico.
A convocação da Assembleia Geral de Cotistas pelo Administrador far-se-á mediante correspondência encaminhada a cada Cotista, por meio de correio eletrônico (email), contendo, obrigatoriamente, o dia, hora e local em que será realizada tal Assembleia e ainda, de forma sucinta, os assuntos a serem tratados.

11.

Remuneração do Administrador

11.1Política de remuneração definida em regulamento:
O Administrador receberá por seus serviços uma taxa de administração correspondente aos percentuais descritos na tabela abaixo, calculada sobre o valor contábil do patrimônio líquido do Fundo ou sobre o Valor de Mercado, caso as Cotas tenham integrado ou passado a integrar, nesse período, índice de mercado (“Taxa de Administração”), observado o valor mínimo mensal de R$11.210,75 (onze mil, duzentos e dez reais e setenta e cinco centavos), pela prestação de serviços de gestão e escrituração de Cotas, sendo certo que o valor mínimo mensal será atualizado anualmente, a partir da data de início das atividades do Fundo, pela variação positiva do Índice de Preços ao Consumidor Amplo, apurado e divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (“IPCA/IBGE”). Valor Contábil do Patrimônio Líquido ou Valor de Mercado do Fundo de até R$ 500.000.000,00 - Taxa de Administração 1,2% a.a. Valor Contábil do Patrimônio Líquido ou Valor de Mercado do Fundo sobre o valor que exceder R$ 500.000.000,00 até R$ 1.000.000.000,00 - Taxa de Administração 1,10% a.a. Valor Contábil do Patrimônio Líquido ou Valor de Mercado do Fundo sobre o valor que exceder R$ 1.000.000.000,00 - Taxa de Administração 1,0% a.a.
Valor pago no ano de referência (R$):% sobre o patrimônio contábil:% sobre o patrimônio a valor de mercado:
6.718.258,750,84%0,84%

12.

Governança

12.1Representante(s) de cotistas
Não possui informação apresentada.
12.2Diretor Responsável pelo FII
Nome: Danilo Christófaro BarbieriIdade: 41
Profissão: Administrador de empresasCPF: 28729710847
E-mail: dbarbieri@brltrust.com.brFormação acadêmica: Administrador de empresas
Quantidade de cotas detidas do FII: 0,00Quantidade de cotas do FII compradas no período: 0,00
Quantidade de cotas do FII vendidas no período: 0,00Data de início na função: 01/04/2018
Principais experiências profissionais durante os últimos 5 anos
Nome da EmpresaPeríodoCargo e funções inerentes ao cargoAtividade principal da empresa na qual tais experiências ocorreram
BRL TRUST DTVM S.ADesde 01/04/2016Sócio-DiretorAdministrador fiduciário
BANCO SANTANDER BRASIL S.Ade 1999 até 03/2016SuperindententeCountry Head da Santander Securities Services
Descrição de qualquer dos seguintes eventos que tenham ocorrido durante os últimos 5 anos
EventoDescrição
Qualquer condenação criminal
Qualquer condenação em processo administrativo da CVM e as penas aplicadas
13.Distribuição de cotistas, segundo o percentual de cotas adquirido.
Faixas de PulverizaçãoNº de cotistasNº de cotas detidas% de cotas detido em relação ao total emitido% detido por PF% detido por PJ
Até 5% das cotas 63.083,0012.673.868,00100,00%79,49%20,51%
Acima de 5% até 10%
Acima de 10% até 15%
Acima de 15% até 20%
Acima de 20% até 30%
Acima de 30% até 40%
Acima de 40% até 50%
Acima de 50%

14.

Transações a que se refere o art. 34 e inciso IX do art.35, da Instrução CVM nº 472, de 2008

Não possui informação apresentada.

15.

Política de divulgação de informações

15.1 Descrever a política de divulgação de ato ou fato relevante adotada pelo administrador, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores, indicando os procedimentos relativos à manutenção de sigilo acerca de informações relevantes não divulgadas, locais onde estarão disponíveis tais informações, entre outros aspectos.
A divulgação de ato ou fato relevante pela Administradora é realizada nos termos da regulamentação aplicável e seu conteúdo é disponibilizado no sistema Fundos.Net, vinculado à CVM e à B3, bem como no site da Administradora http://www.brltrust.com.br
15.2 Descrever a política de negociação de cotas do fundo, se houver, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
A negociação das cotas do Fundo é realizada exclusivamente por meio dos sistemas operacionalizados pela B3 - Brasil, Bolsa, Balcão S.A.
15.3 Descrever a política de exercício do direito de voto em participações societárias do fundo, ou disponibilizar o link correspondente da página do administrador na rede mundial de computadores.
www.brltrust.com.br
15.4 Relacionar os funcionários responsáveis pela implantação, manutenção, avaliação e fiscalização da política de divulgação de informações, se for o caso.
Daniela Assarito Bonifacio Borovicz – CPF: 320.334.648-65 - Diretora responsável pelo Departamento Jurídico.
16.Regras e prazos para chamada de capital do fundo:
As regras e prazos para chamada de capital do Fundo, se houver, estarão previstas nos documentos relativos às ofertas de distribuição de cada emissão de cotas.

Anexos
5.Riscos

Nota

1.A relação de prestadores de serviços de que trata o item 1.8 deve ser indicada quando o referido prestador de serviços representar mais de 5% das despesas do FII